UAI

2

Gallardo fala em tom de despedida após erguer seu 12° troféu com o River

Aos 45 anos, o treinador parece estar disposto a dar voos maiores na carreira

26/11/2021 10:13
compartilhe
Técnico não fala qual será seu futuro, mas dá a entender que não permanecerá em Buenos Aires
foto: ALEJANDRO PAGNI / AFP

Técnico não fala qual será seu futuro, mas dá a entender que não permanecerá em Buenos Aires

Marcelo Gallardo todo ano vê seu nome entre os candidatos a assumir um gigante da Europa ou mesmo uma seleção. Aos 45 anos, o treinador parece estar disposto a dar voos maiores na carreira e falou em tom de despedida nesta quinta-feira, logo após conquistar seu 12° título no comando do River Plate.

Campeão de tudo no clube após finalmente conquistar o Campeonato Argentino, Gallardo é visto com bons olhos na Europa pelo seu estilo de jogo, sempre buscando um futebol ofensivo. Quinta-feira, por exemplo, bastava um empate para o inédito título argentino e sua equipe arrasou o Racing, goleando por 4 a 0.

O treinador pode mudar do continente ou assumir o Uruguai na missão de levar o país vizinho à Copa do Mundo do Catar. Ele não fala qual será seu futuro, mas dá a entender que não permanecerá em Buenos Aires após oito anos dirigindo o River Plate.

"A decisão que eu tomar vai ser muito difícil para mim. Pessoalmente, pode ser o mais difícil da minha vida", disse Galhardo à ESPN da Argentina. No comando do River, faltava o título argentino para coroar o trabalho iniciado em 2014, de 354 jogos, com 191 vitórias, 95 empates, 68 derrotas e 12 taças.

Galhardo ganhou duas Copa Libertadores no River Plate, uma Copa Sul-Americana, três Copas da Argentina, três Recopas, duas Supercopas e agora completou o currículo com o título argentino

"É difícil ter um palpite sobre a continuidade do Gallardo. É uma escolha muito pessoal e espero que a decisão dele seja continuar no River", pressiona o presidente do River Plate, Rodolfo Donofrio, sem tanta esperança.

Compartilhe