UAI

2

Homem é condenado por ataques racistas a Rashford, da Inglaterra, na Euro

Justin Lee Price, de 19 anos, foi condenado a seis semanas de prisão por xingamentos ao atacante depois da final

30/03/2022 18:34
compartilhe
Rashford desperdiçou pênalti que deu título da Euro para Itália e foi hostilizado
foto: Paul Ellis/AFP

Rashford desperdiçou pênalti que deu título da Euro para Itália e foi hostilizado


Nesta quarta-feira, um homem de 19 anos, identificado como Justin Lee Price, foi condenado a seis semanas de prisão pela justiça do Reino Unido após ataques racistas ao atacante inglês do Manchester United Marcus Rashford, segundo o jornal britânico The Guardian.

As ofensas de cunho racista aconteceram após a final da Eurocopa de 2020 entre Inglaterra e Itália. Na ocasião, os ingleses perderam o título nos pênaltis. Após a partida, Price publicou as ofensas em seu perfil no Twitter. Ainda segundo o jornal, o jovem tentou se livrar da acusação, mudando o nome de seu usuário na rede social.

Primeiro, o jovem negou as ofensas publicadas, mas após ser questionado em uma segunda oportunidade por policiais admitiu a autoria do post. Para o promotor do caso, Mark Johnson, a ação de Justin Lee Price foi "claramente racista e um crime de ódio".

Além de Rashford, os meio-campistas Jadon Sancho e Bukayo Saka também foram alvos de ataques racistas após desperdiçarem suas cobranças na disputa.


Compartilhe