MINEIRÃO

Mineirão cita razões para má qualidade do gramado nesta temporada

Gramado apresentou placas soltas e aspecto amarelado nos últimos jogos

postado em 16/07/2021 13:15

(Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)
O aspecto amarelado do gramado do Mineirão chamou a atenção nos últimos jogos de Atlético e Cruzeiro nas Séries A e B do Campeonato Brasileiro. O problema da condição ruim, no entanto, vai além da falta do verde no campo. Placas de grama estão se soltando durante os lances e dificultando as ações dos atletas nas partidas. 

De acordo com a análise da equipe técnica e de manutenção do Mineirão, o pouco tempo de intervalo entre o fim da temporada 2020 e o início da seguinte é uma das razões para o desgaste do gramado.  Por causa da pandemia, acabaram os jogos atrasados pelo Campeonato Brasileiro do ano passado e logo começaram as partidas válidas pelas competições de 2021 - Estadual, Copa do Brasil e Libertadores, além das Séries A e B do Nacional. 

Outro motivo, segundo a equipe técnica, é o fato de Atlético e Cruzeiro estarem jogando no estádio. Nos anos anteriores, o Galo mandava as partidas no Independência. Por fim, o inverno. A incidência diferente do sol deixou algumas partes amareladas no gramado. Com a frequência dos jogos, o tempo para fazer a manutenção adequada é considerado curto pelos profissionais do estádio. 

"Apesar da aparência, o trabalho feito aqui é para que a jogabilidade seja mantida", explicou Otávio Goes, gerente técnico do Mineirão. É comum vermos treinadores, jornalistas e jogadores falando sobre o calendário e a sequência pesada de partidas. Para o Mineirão, é a primeira vez que temos Atlético e Cruzeiro jogando simultaneamente e, ainda, tivemos o calendário apertado por conta da pandemia. Montamos uma operação para que o impacto no jogo, em si, seja o menor possível", acrescentou. 


Medidas para recuperação do gramado


No inverno, o setor norte do estádio no inverno não bate sol e está com auxílio das Máquinas de Fotossíntese para acelerar o processo de recuperação da grama. Já a pequena área recebeu um replantio devido ao tipo de jogo do goleiro. 

O gramado também passou por replantio com sementes adaptadas para o inverno, processo realizado em março deste ano. 

O procedimento para o plantio da grama de inverno é realizado em três etapas: corte vertical, que retira o excesso de material que se acumula no campo de jogo; corte mais rente ao solo, deixando o campo uniforme; e aplicação da semente de inverno. 

Tags: atleticomg cruzeiroec futnacional