UAI

2

Pressionado e com Marcelo Cabo ameaçado, Vasco tenta vencer a 1ª em casa

Cruzmaltino perdeu as duas partidas que fez em São Januário pela Série B

19/06/2021 09:24 / atualizado em 19/06/2021 09:39
compartilhe
Marcelo Cabo pode cair em caso de nova derrota em casa
foto: Rafael Ribeiro/Vasco da Gama

Marcelo Cabo pode cair em caso de nova derrota em casa

Dois jogos e duas derrotas. Esse é o retrospecto do Vasco como mandante na Série B do Campeonato Brasileiro. Pressionado após os 2 a 0 para o Avaí, o clube carioca tentará a recuperação contra o CRB neste sábado, às 16h30, em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), pela quinta rodada.

Em caso de novo tropeço, o técnico Marcelo Cabo poderá ser demitido. Ele teve a cabeça pedida pelos torcedores e já não é mais unanimidade entre os dirigentes. O Vasco ocupa a modesta 15ª colocação com quatro pontos, três a menos do que o CRB. Derrotado pelo Goiás, por 1 a 0, o clube alagoano quer dar a volta por cima para se manter na briga pelo G4.

Marcelo Cabo terá a volta do experiente zagueiro Leandro Castán que estava fora por recondicionamento físico. Na lateral esquerda, Zeca pode perder espaço para Riquelme. Michel também busca a vaga, uma vez que Rômulo voltará ao meio-campo após ter sido poupado. No ataque, Morato pode colocar Léo Jabá no banco.

Léo Jabá, aliás, teve o carro apedrejado após a derrota na rodada passada. O mesmo aconteceu com o veículo de Bruno Gomes. "Temos conseguido os pontos fora de casa, mas dentro de casa não conseguimos nos impor. Temos trabalhado muito duro nessa questão, falta concentração no começo dos jogos. Temos tomado gols bobos que tem nos tirado das partidas", disse Marquinhos Gabriel.

CRB 

No CRB, o técnico Allan Aal não vai contar com o lateral-esquerdo Guilherme Romão, suspenso. Alexandre Melo assume a vaga. O volante Marthã, por outro lado, volta de suspensão e assume sua posição à frente da zaga. Regularizado, o meia Renan Bressan fica como opção. "Nossa equipe está no caminho certo, vai brigar por coisas grandes e tem muito ainda a evoluir", analisou o treinador.

Compartilhe