UAI

2

Vacinação incompleta contra a COVID tirou Renan Lodi da Seleção, diz Tite

Jogador do Atlético de Madrid tomou apenas a primeira dose do imunizante contra o novo coronavírus

13/01/2022 12:25 / atualizado em 13/01/2022 15:15
compartilhe
Renan Lodi deixou de ser convocado por Tite para jogos contra Equador e Paraguai por não ter tomado todas as doses da vacina contra a COVID-19
foto: Lucas Figueiredo/CBF

Renan Lodi deixou de ser convocado por Tite para jogos contra Equador e Paraguai por não ter tomado todas as doses da vacina contra a COVID-19


O técnico da Seleção Brasileira Tite revelou que o lateral-esquerdo Renan Lodi não concorreu a uma vaga na convocação para os dois próximos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Catar por não ter o esquema vacinal contra a COVID-19 completo. A explicação veio na entrevista coletiva, nesta quinta-feira (13), após a divulgação da lista dos atletas que vão defender o Brasil nos jogos contra Equador e Paraguai – esse último, no Mineirão, em 1º de fevereiro.



"O Renan Lodi teve alijado da possibilidade de convocação em razão da sua não vacinação. Ele perdeu a possibilidade de concorrer por não ter se vacinado", disse Tite. 

Renan Lodi tem 23 anos e é jogador do Atlético de Madrid, da Espanha. O jogador tomou apenas a primeira dose do imunizante contra a COVID-19. 

Posteriormente na coletiva, o técnico voltou a falar sobre o assunto, abordando o aspecto social. "Eu, particularmente, entendo que a vacinação é uma responsabilidade social. Eu trago isso para mim e para a minha família, pessoas para quem eu tenho responsabilidade. Meus netos. Queria ter oportunidade de poder protegê-los".



O coordenador da Seleção, Juninho Paulista, explicou que o veto do atleta na convocação tem relação com as leis sanitárias do Equador – onde o Brasil joga em Quito, em 27 de janeiro.

"Ele teve a primeira dose de vacina agora no dia 10 (janeiro). Então ele não estaria apto para entrar no Equador, dentro das regras sanitárias do país para estar na delegação", disse Juninho. 

Os escolhidos de Tite


Tite convocou para a lateral-esquerda Alex Sandro, da Juventus, e Alex Telles, do Manchester United. O atleticano Guilherme Arana, presente nas últimas listas, ficou de fora pelo fato de o Galo ainda não ter retornado aos treinamentos em 2022. 

Renan Lodi disputou 23 jogos pelo Atlético de Madrid nesta temporada. Ele foi revelado pelo Athletico-PR e vendido ao clube espanhol em 2019, após se destacar na campanha vitoriosa da Copa do Brasil daquele ano. 


Compartilhe