UAI

2

Tite pede calma com Vinicius Júnior, Raphinha e Neymar na Seleção

A Seleção treina na Coreia do Sul e entra em campo na quinta-feira, às 8h (de Brasília), quando enfrenta os donos da casa no Estádio Sang-am de Seul

01/06/2022 12:27 / atualizado em 01/06/2022 12:38
compartilhe
Tite disse que protagonismo na Seleção Brasileira precisa ser dividido
foto: ANTHONY WALLACE / AFP

Tite disse que protagonismo na Seleção Brasileira precisa ser dividido

Vinícius Júnior vive o ápice de sua carreira, com gol decisivo que garantiu o título da Liga dos Campeões ao Real Madrid e sendo a primeira opção em caso de ausência de Neymar pela Seleção Brasileira contra a Coreia do Sul. Apesar do grande momento, o técnico Tite pediu calma com o jovem atacante e falou da importância da divisão de protagonismo na equipe nacional.



"Calma com o Vinícius Júnior. Calma com o Raphinha. Calma com o Neymar. Divide-se os protagonismos. Discernimento, sensatez, calma. Fomentar esse grau de confiança que ele (Vinícius Júnior) tem, sim", disse o treinador em coletiva de imprensa nesta quarta-feira (1º).



"A gente tem que olhar com um pouco mais de discernimento essa situação toda e não gerar expectativa. Senão, daqui a pouco, é 'pô, você tem que decidir todos os jogos'. Não é assim, o futebol não é assim", acrescentou.

A Seleção está treinando na Coreia do Sul e entra em campo na quinta-feira, às 8h (de Brasília), quando enfrenta os donos da casa no Estádio Sang-am de Seul, na capital do país. A grande dúvida para o duelo está relacionada à presença de Neymar.

craque deixou o treino desta quarta-feira com um incômodo no pé direito após dividida com o zagueiro Léo Ortiz, do Red Bull Bragantino, e o meio-campista Danilo, do Palmeiras. Caso não vá a campo, o jogador do Paris Saint-Germain deve ser substituído por Vinícius Júnior, que entrou em seu lugar na atividade.



Médico fala sobre Neymar


O médico da Seleção, Rodrigo Lasmar, afirmou que Neymar "sofreu um trauma no pé direito, um pisão, e apresentou um inchaço importante". Assim, o atleta não seguiu no treino e já iniciou o tratamento.

"Está em observação, vamos ver como ele vai responder. Temos um tempo curto, vamos contar com o tempo para definir a presença ou não dele no jogo. A lesão que teve anteriormente foi no quinto metatarso. Hoje, teve um pisão mais no meio, próximo ao terceiro metatarso", explicou Lasmar.



Compartilhe