UAI

2

Com casos de COVID-19, Minas tem jogo contra Osasco adiado na Superliga

Partida ainda não tem nova data definida

11/01/2022 22:22
compartilhe
Central Thaísa é uma das atletas do Minas com COVID-19
foto: Divulgação/MTC

Central Thaísa é uma das atletas do Minas com COVID-19

A partida entre Minas e Osasco, marcada para esta sexta-feira, às 18h30, em São Paulo, pela Superliga Feminina foi adiada novamente. O jogo terá nova data após a líbero Léia testar positivo para a COVID-19. Ela é o quinto caso de coranavírus no elenco do time de Belo Horizonte.  

Além de Léia, o técnico Nicola Negro, as centrais Thaísa e Júlia Kudiess e a ponteira Luiza Vicente também foi diagnosticados com COVID-19. Todos têm quadro de saúde estável e cumprem as normas de isolamento, segundo o Minas.

Devido ao 'surto', a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV)  acatou o pedido do Minas para o adiamento. A entidade não definiu nova data para o duelo entre as equipes. 

Esta é a terceira vez que o duelo, válido pela 10ª rodada do turno da Superliga, é adiado. Anteriormente, o Minas estava na disputa do Mundial de Clubes e precisou de nova data. Na  segunda vez, foi o Osasco que pediu adiamento devido a casos de COVID-19 no elenco. 

O Minas ocupa a segunda posição da Superliga, com 24 pontos. O Osasco está um lugar acima na tabela, também com 24 pontos. 


Compartilhe