UAI

2

Minas pega algoz da Copa Brasil; Praia joga para manter ponta na Superliga

Minas-tenistas têm revanche contra Sesi Bauru, enquanto time de Uberlândia recebe lanterna na nona rodada do returno

04/03/2022 05:01
compartilhe
Minas volta a enfrentar o Sesi Bauru, algoz na final da Copa Brasil, e busca dar o troco na Superliga
foto: Sávio Pereira/Inovafoto/CBV

Minas volta a enfrentar o Sesi Bauru, algoz na final da Copa Brasil, e busca dar o troco na Superliga


A nona rodada do returno da Superliga Feminina promete mais emoções, principalmente para os mineiros. Praia e Minas estarão em ação nesta sexta-feira e buscam o mesmo objetivo, a vitória, mas em circunstâncias diferentes. Líder, a equipe de Uberlândia recebe o lanterna, Valinhos, às 17h, pela reabilitação. As minas-tenistas encaram o algoz da Copa do Brasil, o Sesi Bauru, às 21h, na Arena MTC, com transmissão do SporTV2

O Praia Clube lidera a Superliga, com 49 pontos (17 vitórias e duas derrotas), mas precisa se recuperar do revés para o Flamengo (3 sets a 2), na rodada anterior. O time de Uberlândia pretende manter a ponta até o fim da fase de classificação, de olho no mando de quadro nos playoffs. 

O Minas aproveitou o revés do Praia para o Flamengo e reduziu para um ponto a vantagem do rival do Triângulo. Com 48 pontos (16 vitórias e três derrotas), as minas-tenistas torcem por tropeço da equipe de Uberlândia, mas também precisam frear o ímpeto do Sesi Bauru, que soma 42 pontos (ganhou 14 e perdeu cinco) e almeja consolidar a posição até o desfecho da classificatória. Se vencer em casa, o MTC garantirá ao menos a vice-liderança na primeira fase. 

REVANCHE 


O Minas terá um ingrediente a mais para se impor diante do Sesi Bauru. Derrotado pelo time paulista na final da Copa Brasil de Vôlei, em Blumenau, por 3 sets a 0, e também no primeiro turno da Superliga, em casa, por 3 a 2, o time minas-tenistas quer dar o troco na 'revanche'. 

As derrotas seguidas para o Sesi Bauru servem de alerta para o Minas. "O nosso time vem de uma sequência muito boa, onde conseguimos vitórias importantes, mas vamos enfrentar mais um adversário perigoso. O Bauru provavelmente é o time que está em melhor condição nos últimos jogos, então sabemos que será uma partida difícil, mas o nosso objetivo é garantir a segunda posição já neste jogo", projetou o técnico Nicola Negro.

Com 69% de acerto na recepção - quinto melhor aproveitamento nesse quesito na Superliga -, a líbero Léia deu a receita para o Minas dar o troco na equipe paulista. "Vamos jogar fora de casa com uma equipe que evoluiu bastante na temporada. Nos enfrentamos recentemente na final da Copa Brasil e elas foram melhores naquela ocasião. Para esse jogo, será importane sacarmos com eficiência para tirarmos o passe das mãos da (levantadora) Dani Lins. Esse fim de returno é muito importante para chegarmos bem nos playoffs", avaliou a defensora minas-tenista. 

Compartilhe