UAI

2

Montes Claros América Vôlei anuncia contratação de cubano Osniel Gonzalez

Osniel Gonzalez tem passagens pela seleção do seu país e disputou os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016

16/06/2022 22:25 / atualizado em 16/06/2022 23:34
compartilhe
Osniel Gonzalez tem passagens pela seleção do seu país e disputou os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016
foto: Divulgação

Osniel Gonzalez tem passagens pela seleção do seu país e disputou os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016


Depois de anunciar o experiente técnico Marcos Pacheco como novo comandante da equipe, o Montes Claros América Vôlei divulgou nesta quinta-feira (16/06)  o primeiro nome da formação do seu elenco para  temporada 2022/2023: o oposto cubano Osniel Gonzalez, de 25 anos. 

Ele tem passagens pela seleção do seu país e disputou os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

Nos próximos dias, o time norte-mineiro deverá anunciar os nomes de outros atletas. De acordo com uma fonte, um deles será o levantador titular que já defendeu o time em outra temporada. 

Em julho, será feita a apresentação do elenco completo que vai disputar o Campeonato  Mineiro e a Superliga Masculina 2022/2023.

Osniel Gonzalez jogou a última temporada na Turquia, onde defendeu o Tursad, equipe que conquistou o título de campeão da Primeira Liga daquele país. 

"Estou muito contente de defender a equipe do Montes Claros América Vôlei nesta temporada 2022/23. Tenho certeza que teremos muitos bons resultados", afirma o cubano, que tem 2,05 metros de estatura.

"Teremos uma equipe forte e competitiva", promete Marcos Pacheco 

Em entrevista ao Superesportes, nesta quinta-feira, o técnico Marcos Pacheco, que já foi campeão da Superliga sete vezes,  falou da expectativa de trabalhar pela primeira vez em Minas Gerais. Destacou o papel da apaixonada torcida de Montes Claros.

"Trabalhar em Minas Gerais é um grande desafio, pois o estado lidera o voleibol nacional na atualidade. Na última temporada da Superliga, tanto no masculino como no feminino, as finais foram disputadas por equipes de Minas Gerais. Então é uma responsabilidade muito grande", disse Pacheco, que é gaúcho e comandou o Campinas na temporada 2021/2022.

Ele  afirmou que "sabe muito bem" como o vínculo da torcida de Montes Claros com a equipe da cidade, com qual já teve diversos confrontos. Um deles foi a final da Superliga 2009/2010, quando a antiga Cimed, de Florianópolis, então, comandada por Pacheco, superou o time norte-mineiro (do seu antigo projeto).

"Sei o quanto a torcida de Montes Claros é capaz e quanto ela influencia a equipe. Espero que possamos fazer um time competitivo,  que busque tudo aquilo, todo o potencial que a cidade a região possam oferecer à equipe",  destaca o novo comandante do Coelhão.

"A nossa expectativa é a melhor. É uma responsabilidade e uma oportunidade muito grande de estar em uma equipe competitiva e já tradicional no voleibol brasileiro", disse o novo técnico do América Vôlei. "Teremos uma equipe organizada, em que cada um possa cumprir sua função e saber seus limites - uma equipe que venha  buscar no dia a dia a construção de valorizar as virtudes e minimizar as dificuldades. A torcida pode esperar que teremos uma equipe forte e competitiva, buscando os melhores resultados para a temporada", promete Pacheco.

O treinador elogiou a contratação do oposto cubano Osniel Gonzalez. "Quando se fala em atleta  cubano, a ideia (que temos) é que ataque, bloqueio e saque  sejam extremamente agressivos. E certamente teremos isso nesse atleta. Trata-se de um jogador com essas  características. Um jogador forte", avalia o técnico da equipe do Norte de Minas. Ele disse ainda que o América Vôlei já contratou vários atletas, as que ainda busca outros nomes no mercado para "fechar" o seu elenco para a disputa do Campeonato Mineiro da Superliga Masculina.

Renovação de patrocínio


Nesta semana, o Montes Claros América Vôlei confirmou a renovação de contrato com um dos seus principais patrocinadores: o Grupo Eurofarma, multinacional do ramo farmacêutico. Nova parceria foi acertada para temporada 2022/2023.

O gestor do clube, Andrey Souza, anunciou o acerto com a multinacional por  meio de um vídeo divulgadas redes sociais. "Estou aqui para agradecer à Eurofarma, indústria farmacêutica, uma das maiores do país e presente em mais de 20 países da América Latina, nos apoiou na temporada 2021/2022, dando nos a condição de participar com dignidade e organização para participar da maior competição de vôlei nacional, que é a Superliga", destacou.

Atualmente, está em implantação em Montes Claros uma fábrica da Eurofarma, com investimento de R$ 1,3 bilhão. A indústria tem a previsão de entrar em operação no final de 2022 ou início de 2023, com a expectativa de gerar 600 empregos diretos e outros 1.500 postos de trabalho indiretos na fase inicial de atividades.

Compartilhe