UAI

2

Brasil reage, vira contra a Sérvia e vai à final da Liga das Nações

Seleção Brasileira perdeu o primeiro set, mas reagiu na partida, venceu por 3 a 1 e chega à decisão; outra semi é entre Itália e Turquia

16/07/2022 11:17 / atualizado em 16/07/2022 19:16
compartilhe
Seleção Brasileira teve grande atuação contra a Sérvia
foto: Divulgação

Seleção Brasileira teve grande atuação contra a Sérvia


A Seleção Brasileira de vôlei feminino garantiu classificação para a final da Liga das Nações nesta manhã. A equipe virou contra a Sérvia e levou a vitória por 3 sets a 1, com parciais de 25/14, 25/18, 26/24 e 25/19, em jogo disputado em Ancara, na Turquia.

Agora o Brasil espera o ganhador da outra semifinal, que acontece entre Itália e Turquia. O jogo está previsto para acontecer ainda neste sábado, às 12h30 (de Brasília).

O primeiro set a Sérvia foi bem superior. A única vez que o Brasil ficou à frente no placar foi após um bloqueio de Carol, quando deixou 8 a 7 no marcador. Desde o início da partida a Seleção estava um pouco desatenta, até que as adversárias fecharam a primeira etapa com um ace, marcando 25 a 14 no placar.

A confiança, principal pilar do time sérvio antes, veio abaixo. As comandadas de Daniele Santarelli até começaram melhor no segundo set, mas o Brasil se recuperou, reagiu e conseguiu crescer no jogo. O técnico Zé Roberto conseguiu consertar os erros e desestabilizou a Sérvia para sua equipe terminar a segunda parcial com 25 a 18.

O terceiro set foi o mais disputado até então. As brasileiras, mais uma vez, saíram atrás, mas conseguiram diminuir a vantagem ao longo do período. O primeiro set point para o Brasil não foi adiante. Julia Bergmann teve a chance de fechar, mas parou no bloqueio. No segundo, a virada da Seleção veio. Após Bergmann sacar, Mihajlovic não conseguiu boa recepção. A bola voltou e Julia Kudiess fechou o segundo set para o Brasil por 26 a 24.

Em números, a Sérvia podia ser superior, mas o Brasil se destacou por ser mais decisivo. Com vantagem no quarto set quase do início ao fim, a Seleção decretou vaga na final com uma partida brilhante de Gabi e última parcial de 25 a 19.



Campanha


A Seleção Brasileira feminina até aqui soma 11 vitórias e apenas duas derrotas.

Além do triunfo contra o Japão (3 a 1) que deu vaga para a semifinal, as meninas tiveram êxito na primeira fase da Liga das Nações diante da Alemanha (3 a 1), Polônia (3 a 0), República Dominicana (3 a 1), Turquia (3 a 1), Holanda (3 a 0), Sérvia (3 a 0), China (3 a 2), Coreia do Sul (3 a 0), Bulgária (3 a 0) e Tailândia (3 a 1).

As derrotas foram para Estados Unidos (3 a 0) e Itália (3 a 1).

Compartilhe