Basquete
1

NBB

Minas vence Brasília e garante participação no Super 8 do NBB

Mesmo sem Leandrinho, cestinha da competição, equipe mineira bateu brasilienses por 90 a 60

postado em 29/12/2019 13:41 / atualizado em 29/12/2019 14:47

(Foto: Jair Amaral/EM/D. A. Press)
Mesmo sem contar com o ala-armador Leandrinho, o cestinha do Novo Basquete Brasil (NBB), o Minas venceu o Brasília, com facilidade, 90 a 60, na manhã deste domingo, na Arena Minas e garantiu classificação para o Torneio Super 8, que reunirá os oito primeiros do turno do NBB, de 4 a 11 de janeiro.

O time mineiro, que terminou na sexta colocação – era o nono colocado antes dessa partida –, terá como adversário o São Paulo, terceiro, em jogo único. A partida será no dia 4 de janeiro (domingo), às 12h45, em São Paulo, já que o adversário ficou melhor colocado. A Liga Nacional de Basquete (LNB) ainda não definiu se será no sábado ou domingo.

O jogo

O primeiro quarto foi de reação para o Minas, que saiu dos muitos erros cometidos, de defesa e ataque, para a virada. Para se ter uma ideia, o time começou perdendo (8 a 4) e graças à falta de sintonia da defesa, principalmente, o adversário chegou a abrir 13 a 10. 

Aí, depois de um pedido de tempo do técnico Léo Costa, o time começou a se acertar em quadra. A transição defesa para o ataque passou a funcionar, virando o placar para 21 a 13 e fechou o primeiro quarto em 24 a 17.

O segundo quarto foi marcado pelos erros, muitos deles infantis, daqueles que se vê nas chamadas “peladas”. Aliás, num número bem superior aos que se veem nessas brincadeiras de final de semana. Escorregões, passes nas mãos de adversários, passes para fora. Essa a tônica. Mas no frigir dos ovos, o Minas levou a melhor e conseguiu fechar o segundo tempo com 10 pontos de vantagem (42 a 32).

A vantagem obtida no primeiro tempo deu mais tranquilidade ao Minas, enquanto que o adversário se viu nervoso. Disso se aproveitou o Minas, que tratou de aumentar a vantagem. Ao final do terceiro quarto, o time mineiro praticamente definia o jogo, ao alcançar uma vantagem de 29 pontos (71 a 42). Para se uma ideia de como o time minastenista sobrava em quadra, na metade da etapa, tinha uma vantagem de 23 pontos.

No quarto quarto, o técnico Léo Costa, do Minas, se deu ao luxo de colocar em quadra o time reserva, isso, devido ao fato do time ter aberto grande vantagem no placar. Assim, ele pode preservar os titulares, que no final de semana estarão em ação novamente. O treinador espera contar com Leandrinho, que ficou de fora por precaução: tem duas contusões, uma dor muscular na coxa esquerda e outra nas costas.

Minas 90 x 60 Brasília

Local: Arena Minas, em Belo Horizonte
Motivo: 11ª rodada do Novo Basquete Brasil

MINAS: Davi (3), Gui Deodato (11), Alex (18), Tyrone (12) e Scott (14), depois Alexei (4), Black (9), Shilton (6), Jackson Jr (13) e Queirós. 
Técnico: Léo Costa.

BRASÍLIA: Nezinho (2), Arthur (17), Rafa Moreira (6), Gui Santos (6) e Ronald (15), depois Marcelão (2), Rava (5), Gui Bento, Zé Carlos (7) e Gabriel.
Técnico: Ricardo Oliveira.
 

Tags: NBB Brasília Minas maisesportes