Basquete

BASQUETE

Morre Nelsinho, ex-jogador de basquete do Ginástico e da Seleção Brasileira

Ex-atleta disputou os Jogos Olímpicos de Melbourne, 1956

postado em 30/10/2020 22:27 / atualizado em 30/10/2020 22:33

(Foto: Arquivo pessoal)
Morreu nesta sexta-feira, de parada cardíaca, um dos grandes nomes do basquete mineiro em todos os tempos: Nélson Marques Lisboa, o “Nelsinho”. O ex-atleta tinha 86 anos e fez parte do grande time do Ginástico, na década de 50. Ele foi um dos integrantes da Seleção Brasileira nos Jogos Olímpicos de Melbourne, 1956.

O ano de 2020 tem sido trágico com o basquete mineiro. Além de Nelsinho, faleceram cinco ex-jogadores: Gersão, Humberto Ladeira, Ernane Avelar Fonseca e Romano Gamboji (Campo Belo).

Nelsinho começou a jogar basquete no final dos anos 40. Chegou ao Ginástico e teve como treinador Humberto Ladeira. Em seu primeiro ano como jogador, foi campeão mineiro juvenil, num time que tinha Moreira, Aníbal, Hely, Alexandre, Edward, Édson, Tasso, Celmo, Dalzio, Mário e Zé Flávio.

Logo, Nelsinho ascendeu ao time adulto do clube, pelo qual se sagrou bicampeão mineiro em 1956 e 1957. Destaque da equipe, ele chegou à Seleção Brasileira e junto com outro integrante do time mineiro, Zé Luiz, disputou a Olimpíada de Melbourne. Nos Jogos, o Brasil terminou na sexta colocação. Na equipe nacional também estavam Édson Bispo, Amaury Passos e Algodão. Nelsinho também disputou a Universíade de 1957 disputada em Paris.

Ao longo de sua carreira, Nelsinho foi também bicampeão brasileiro de Lances Livres, em 1951 e 53, e campeão brasileiro de seleções juvenis, em 1953, defendendo Minas Gerais. O corpo do ex-atleta foi sepultado em Ponta Grossa, no Paraná, onde vivia.

Tags: seleção brasileira morte nelsinho ginástico Jogos Olímpicos de Melbourne Universíade de Paris Nélson Marques Lisboa