UAI

2

Após vice nos Jogos Universitários, basquete do Cruzeiro mira LDB

Expectativa do clube é disputar, em 2022, o principal torneio de base do país

29/11/2021 11:11
compartilhe
Cruzeiro foi vice-campeão dos Jogos Universitários, primeiro torneio disputado pelo time
foto: Divulgação/Cruzeiro Basquete

Cruzeiro foi vice-campeão dos Jogos Universitários, primeiro torneio disputado pelo time

Após o vice-campeonato dos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) 2021 , em outubro, o Cruzeiro busca disputar novas competições. A principal delas é a Liga de Desenvolvimento de Basquete (LDB) do ano que vem, maior torneio sub-22 do basquete masculino brasileiro.

A fala é de Kaká Carone, coordenador do basquete do Cruzeiro, sediado em Montes Claros, cidade da Região Norte de Minas Gerais. A Liga Nacional de Basquete (LNB), organizadora do Novo Basquete Brasil (NBB) - maior torneio do basquete brasileiro -, é a entidade responsável pela LDB.

"No ano que vem seguimos o projeto da equipe universitária e, para o segundo semestre, a mesma base segue para uma possível LDB. Hoje, pelos prazos e profissionalismo da Liga Nacional de Basquete, tanto para o projeto quanto para os parceiros a visibilidade e o retorno são melhores. Estar em uma competição com outros clubes de camisa e torcida é tudo que queremos, e estamos trabalhando muito para isso", afirmou, ao Superesportes . A LDB de 2021 aconteceu entre julho e outubro.

O JUBs foi o primeiro torneio do time desde sua estruturação a partir do "apadrinhamento" do Montes Claros Basketball, em abril de 2021. O Cruzeiro foi vice-campeão do JUBs ao ser batido pelo Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB-DF) por 86 a 59, no Ginásio da Iesplan, no Distrito Federal.

Além da LDB e do JUBs de 2022, o Cruzeiro também quer disputar outros campeonatos até o início de ambos. Há expectativa de realização, em dezembro deste ano, da Taça Minas Gerais, com equipes de base e amadoras, mas ainda sem confirmação.

Quanto a torneios profissionais, o mais próximo do Cruzeiro seria o Campeonato Brasileiro, organizado pela Confederação Brasileira de Basketball (CBB). A competição, de uma divisão inferior ao NBB, acontece geralmente entre fevereiro e outubro, como foi o caso em 2021. Contudo, Kaká Carone mantém os pés no chão e diz que, no momento, não pensa em disputar o "Brasileirão".

"Para estar entre as principais equipes da competição precisa de dinheiro e, pelo tempo que temos, é pouco provável. Não queremos entrar para participar e sim para representar tudo que significa a marca Cruzeiro para o esporte de Minas Gerais. Como todo bom mineiro, caminhamos com passos firmes e cautela, sabendo onde queremos chegar", diz.

Compartilhe