UAI


Técnico do América vê superioridade do Flu e não desiste de Libertadores

Marquinhos Santos avalia que Coelho fez o pior primeiro tempo sob seu comando

21/11/2021 20:39 / atualizado em 21/11/2021 23:07
compartilhe
Marquinhos Santos analisa derrota do América no Maracanã
foto: Marina Almeida / América

Marquinhos Santos analisa derrota do América no Maracanã


O técnico Marquinhos Santos considerou o primeiro tempo feito pelo América na derrota para o Fluminense , neste domingo, no Maracanã , como o pior da equipe sob o seu comando. Derrotado por 2 a 0, o Coelho não conseguiu repetir o mesmo desempenho ofensivo de outras partidas e teve problemas para encaixar a marcação, de acordo com a análise do técnico. 



"O primeiro tempo foi o pior sob o meu comando. Não tivemos o ímpeto das partidas anteriores. Não conseguimos criar situações nem adiantar a marcação. Mérito também do Fluminense, que tirou nossos pontos positivos e fortes. Conseguimos reorganizar a equipe no segundo tempo. Melhoramos e controlamos, mas insuficientemente para conseguirmos o empate. Quando lançamos à equipe mais à frente, sofremos um pênalti que eu acho que não aconteceu. Isso tirou o ímpeto de que poderíamos levar pelo menos um ponto do Maracanã", declarou Marquinhos, em entrevista coletiva divulgada pelo clube após o jogo. 

Marquinhos Santos acredita que a estratégia do Fluminense na partida foi mais efetiva. O treinador ainda destacou a melhora de desempenho da equipe com as substituições na segunda etapa. 

"Volto a dizer que foi o pior primeiro tempo que tivemos sob o meu comando. Erramos na estratégia, na questão da marcação em bloco alto. Não conseguimos fazer a pressão. O Fluminense teve a superioridade no primeiro tempo, mas tivemos um volume maior no segundo e voltamos a propor o jogo. Criamos situações de gol, mas não fomos felizes. O Fluminense foi superior estrategicamente à nossa equipe", avaliou. 



"O Fluminense abaixou as linhas, com a vantagem no placar. Eles tentaram explorar o contra-ataque, enquanto nós colocamos o time mais à frente, tirando Lucas Kal, Alê, Zarate  e colocando jogadores com características ofensivas, como o Ruschel no lado esquerdo e o Carlos Alberto, que entrou bem", acrescentou. 



Por fim, Marquinhos Santos evitou jogar a toalha na briga por uma vaga na Libertadores da América. O resultado no Maracanã fez o América cair para a décima posição, com 45 pontos. "É uma derrota que nos deixa tristes. Queríamos ter vencido, mas ainda estamos na briga. Ainda podemos buscar essa condição de brigar pela Libertadores ou Sul-Americana", concluiu. 

Livre do risco de rebaixamento, o América não perdia há três rodadas na competição. 

O Coelho volta a campo no sábado, dia 27, às 19h30, contra o RB Bragantino, em Bragança Paulista, pela 36ª rodada. No dia 1º de dezembro, quarta-feira, o time de Marquinhos Santos vai encarar a Chapecoense, às 21h, no Independência, pela 35ª rodada. Na próxima quarta (24), o Flu enfrenta o Internacional, às 21h30, no Maracanã, também em duelo entre postulantes a uma vaga na Libertadores.

Fluminense 2 x 0 América: fotos do jogo no Maracanã




Compartilhe