UAI

2

Embalado, América recebe o Villa Nova e mira retorno ao G4 do Mineiro

Após classificação histórica na Copa Libertadores, Coelho precisa da vitória no Independência para não perder líderes de vista

05/03/2022 06:00
compartilhe
Atacante Rodolfo, que converteu pênalti na disputa no Paraguai, pode voltar a receber chance de Marquinhos Santos no América diante do Villa Nova
foto: Mourão Panda/América

Atacante Rodolfo, que converteu pênalti na disputa no Paraguai, pode voltar a receber chance de Marquinhos Santos no América diante do Villa Nova


É hora de virar a chave - ainda que temporariamente. Após uma histórica classificação à terceira fase da Copa Libertadores, no Paraguai, na quarta-feira (2), o América volta suas atenções ao Campeonato Mineiro e precisa vencer para voltar ao G4. Neste sábado (5), às 16h30, o Coelho recebe o Villa Nova no Independência, em Belo Horizonte, em duelo válido pela 9ª rodada.
 
 

Em Assunção, o América vivenciou aquela que já é considerada por muitos como a maior noite da história do clube. Em uma verdadeira batalha, precisou buscar a virada (3 a 2) diante do Guaraní, do Paraguai, e confirmar a classificação em uma disputa de pênaltis emocionante (5 a 4).

Ainda que volte a atuar pela Libertadores já na próxima terça-feira (8), o América precisa superar o Villa para não perder as semifinais do Estadual de vista. Na 5ª colocação, com 14 pontos, os comandados de Marquinhos Santos estão fora da zona de classificação para a fase mata-mata.

Em caso de vitória diante do Leão do Bonfim, o Coelho pode até assumir a 3ª colocação. Para isso, precisaria torcer também por tropeços de Athletic (3°, com 16 pontos) e Caldense (4ª, com 15 pontos). Os concorrentes enfrentam, respectivamente, URT e Democrata-GV na nona rodada.
 

Fotos da torcida do América no Defensores del Chaco

 

Momento do rival


O Villa Nova faz um Campeonato Mineiro oscilante e, por isso, encontra-se no meio da tabela de classificação. O Leão do Bonfim é o 7° colocado, com nove pontos - a seis pontos da Caldense, primeira equipe na zona de classificação para as semis, e a quatro pontos do Uberlândia, primeiro time na zona de rebaixamento para o Módulo II.

Sendo assim, o clube de Nova Lima precisa da vitória para seguir sonhando com a possibilidade de chegar às semifinais do Estadual. Um triunfo no Horto também pode eliminar as chances de descenso, a depender das combinações de resultados na parte de baixo da tabela.

O Villa vem de quatro jogos de invencibilidade no Mineiro. Nesta sequência, empatou com Uberlândia (0 a 0), URT (1 a 1) e Cruzeiro (2 a 2), e venceu a Caldense por 2 a 0.

Com a pausa do Campeonato Mineiro, o time comandado por Cícero Junior teve duas semanas para se preparar para o confronto contra o América. O empate contra o Cruzeiro, também no Independência, ocorreu no dia 20 de fevereiro.
 
 

Quem joga?


Apenas três dias depois do extenuante duelo contra o Guaraní e outros três dias antes do embate contra o Barcelona, do Equador, pela terceira fase da Libertadores, o América voltará a campo diante do Villa Nova. Sendo assim, espera-se que o técnico Marquinhos Santos escale uma formação reserva, mesmo precisando da vitória em casa.

A chegada à fase de grupos do principal torneio do continente é prioridade absoluta da diretoria americana neste início de temporada. Ainda que não se tenha informações oficiais sobre a escalação com antecedência, é difícil imaginar que o Coelho seja escalado com os titulares no duelo pelo Campeonato Mineiro.

Do outro lado, o Villa Nova não tem suspensos ou lesionados para o confronto. O Leão do Bonfim terá força máxima diante do América.

FICHA TÉCNICA


América

Jori; Raúl Cáceres, Conti, Maidana (Gustavo Marques) e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho Valoura e Índio Ramírez; Pedrinho, Matheusinho (Kawê) e Rodolfo (Henrique Almeida).
Técnico: Marquinhos Santos

Villa Nova

Glaycon; Danilo Belão, Diego Landis, Kadu e Hipólito; Wesley, Leandro Salino, Gustavo Crecci, Renan Mota e Branquinho; Thiago Mosquito.
Técnico: Cícero Junior

Motivo: 9ª rodada do Campeonato Mineiro
Data e horário: sábado, 5 de março de 2022, às 16h30
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte

Árbitro: André Luiz Skettino Policarpo Bento
Assistentes: Ricardo Junio de Souza e Magno Arantes Lira
Transmissão: Premiere e tempo real do Superesportes

Compartilhe