UAI

2

Jailson vê cansaço do América como determinante para empate com Botafogo

Goleiro ressalta que time passou por desgastante viagem na Libertadores e enaltece desempenho dos companheiros

21/05/2022 23:23
compartilhe
Jailson avalia empate do América diante do Botafogo
foto: Ramon Lisboa/EM/D.A Press

Jailson avalia empate do América diante do Botafogo

Com boas defesas nos instantes finais, Jailson garantiu o empate do América por 1 a 1 diante do Botafogo, neste sábado, no Independência, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O Coelho dominou o primeiro tempo e saiu em vantagem com gol de Aloísio. No entanto, aos 41 minutos da etapa final, o time mineiro cedeu à pressão botafoguense e sofreu o empate. 

Na opinião do experiente goleiro, o cansaço influenciou na queda do desempenho do América no segundo tempo. Na quarta-feira, a equipe empatou com o Tolima, em Ibagué, na Colômbia, pelo Grupo D da Copa Libertadores. 

"Estou na minha melhor fase. Tenho que agradecer o Silva, o Marcão, que são grandes profissionais. Esse calendário é muito puxado. Deu 23 horas de viagem, no total. A equipe estava desgastada e faltavam cinco minutinhos para sairmos com os três pontos. Temos que enaltecer e dar parabéns à equipe, porque o Campeonato Brasileiro é desse jeito", declarou Jailson, em entrevista ao Premiere. 

Fotos da torcida do Botafogo na partida contra o América, no Independência



Com o resultado, o América fica na oitava posição da tabela, com dez pontos. O triunfo levaria a equipe de Vagner Mancini ao segundo lugar, com a possibilidade de perder o posto apenas em caso de vitórias de São Paulo e Avaí na rodada. 

No próximo compromisso pelo Campeonato Brasileiro, o América encara o Corinthians, atual líder. A partida será no domingo que vem (29/5), às 18h, em São Paulo. Antes, o Coelho encerra a participação na Copa Libertadores diante do Independiente del Valle, nesta quarta-feira, às 21h, em Guayaquil, ainda com chances de se classificar à Sul-Americana. 

Fotos da torcida do América na partida contra o Botafogo, no Independência



Compartilhe