UAI

2

Abel elogia Mancini, do América: 'Um dos bons treinadores brasileiros'

O treinador Abel Ferreira venceu o confronto direto contra Vagner Mancini por 1 a 0, nessa quinta-feira (21), no Independência, pela 18ª rodada da Série A

22/07/2022 15:10 / atualizado em 22/07/2022 16:59
compartilhe
Abel Ferreira (esq), técnico do Palmeiras, ao lado de Vagner Mancini (dir), treinador do América, antes do duelo válido pela 19ª rodada da Série A
foto: Alexandre Guzanshe/EM/DA.Press

Abel Ferreira (esq), técnico do Palmeiras, ao lado de Vagner Mancini (dir), treinador do América, antes do duelo válido pela 19ª rodada da Série A


Treinador do Palmeiras, Abel Ferreira elogiou Vagner Mancini, comandante do América, em entrevista pós-jogo nessa quinta-feira (21), no Independência, em Belo Horizonte. Após vencer o confronto contra o Coelho por 1 a 0, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico português afirmou que profissionais como Mancini precisam de tempo de trabalho para entregarem resultados.
 
 

"Olha, eu acho o Mancini um dos bons treinadores brasileiros. Se nós dermos tempo para eles terem o mesmo trabalho que eu, a mesma oportunidade que eu tenho, seguramente que eles terão resultados. É um bom treinador. Nos pressionou logo na primeira fase. Não é a primeira vez que jogo contra ele. Mas essa é a minha opinião. Acho um bom treinador", disse o técnico português.

Abel Ferreira está há quase dois anos no comando do Palmeiras. Após um início conturbado, o comandante se estabeleceu no cargo e conquistou um Campeonato Paulista, uma Copa do Brasil e duas Libertadores. Hoje, é o segundo treinador mais longevo da Série A.

Já Mancini assumiu o América recentemente, em abril. Até aqui, em seu retorno ao clube, após ter curta passagem em 2021, o técnico fez 25 jogos, somou nove vitórias, quatro empates e 12 derrotas (41,3% de aproveitamento).
 
 

"Sabia que seria um jogo difícil. O América é uma equipe muito organizada, que gosta de jogar e que também sabe contra-atacar. Nos deu trabalho. Verdade que, nós, nos últimos 20 minutos, poderíamos ter feito o segundo, mas não fizemos. E se vocês puderem me explicar esse último lance, o que foi, se é sorte, se é qualidade, se vocês puderem explicar... Eu não sei explicar isso. Eu assumo", disse Abel.

No último lance da partida, o volante Juninho, do América, perdeu um gol embaixo da trave, que impediria a vitória do Palmeiras. Com o resultado, o Verdão se isolou mais ainda na liderança da Série A, com 36 pontos. Já o Coelho se manteve na zona de rebaixamento, em 17º lugar, com 18 pontos.
 
 

América x Palmeiras: fotos do jogo no Independência pelo Brasileiro



Compartilhe