UAI

2

No reencontro com Mancini, Benítez vê América como chance de volta por cima

Reforço para restante da Série A, armador diz que conversa com treinador, com quem esteve no Grêmio, e momento do clube pesaram em acerto

26/07/2022 20:21 / atualizado em 27/07/2022 00:35
compartilhe
Benítez foi apresentado pelo presidente da SAF do América, Marcus Salum
foto: Mourão Panda/América

Benítez foi apresentado pelo presidente da SAF do América, Marcus Salum


Novo reforço do América para o restante da Série A do Brasileiro, o armador Benítez foi apresentado nesta terça-feira, por meio de coletiva virtual. Ele terá reencontro com o técnico Vagner Mancini, depois de curto período em que trabalharam juntos no Grêmio, e disse que o objetivo é resgatar o bom futebol exibido no Vasco, em 2020. 

Benítez, de 28 anos, chegou por empréstimo do Independiente, da Argentina, até o fim deste ano. No Brasil, além do Vasco, ele teve passagens por São Paulo e Grêmio, mas foi prejudicado por lesões que impediram uma sequência de partidas. No América, novamente sob o co mando de Vagner Mancini, o armador espera reencontrar o futebol que mereceu elogios quando atuou no clube carioca. 



"É um prazer estar aqui e obrigado pela confiança da diretoria e do corpo técnico. Chego para ajudar o América a estar no lugar mais alto possível e brigar, estar à altura. É um prazer jogar a Série A no brasil, agradeço a essa confiança de todos", declarou o novo reforço do Coelho.

Apoiador clássico, com visão de jogo e pontaria afiada nas cobranças de faltas, Benítez disse que o fato de conhecer o trabalho do treinador e de já estar adptado ao futebol brasileiro serão aditivos importantes na busca pela volta por cima no Coelho. 

"É sempre um prazer jogar aqui no Brasil, é a melhor liga da América do Sul. Já estou adaptado ao Brasil, ainda preciso melhorar o idioma, mas o futebol aqui é muito bonito, gosto muito de jogar aqui e espero estar à altura da torcida e do time com meu futebol", projetou.

"Sou um jogador mais de meio-campo, que gosta de fazer o time jogar. Trabalhei com o Mancini no início do ano, sei da forma como ele trabalha. Quero ajudar o time e mostrar o meu futebol à torcida e a todo o Brasil", acrescentou.

O armador considera que o apoio do comandante foi importante para o acerto com o América. Além disso, ele destacou e boa campanha do Coelho na Série A do ano passado e vê o time em condição de manter o nível na sequência desta temporada. 

"Falei com ele (Mancini), com o presidente, e foi uma decisão rápida. o América está muito competitivo nos útimos anos, todos que jogaram aqui me falaram muito bem, então foi uma decisão rápida. Pela ideia de jogo do Mancini, acho que posso ajudar o time a estar no mais alto lugar possível", enfatizou.

Fotos da apresentação de Benítez no América



Lesões


No São Paulo e no Grêmio, Benítez teve lesões que o atrapalharam em 2021 e no começo deste ano. Pouco aproveitado no tricolor, o argentino foi contratado para o Grêmio para a Série B, mas teve pouco tempo de trabalho com Vagner Mancini, demitido do clube gaúcho em fevereiro passado. Com Roger Machado no comando, além de não atuar com frequência, teve problema de ligamento no joelho esquerdo, em 4 de junho, durante um treino, e desde então está em tratamento. 

No América, ele disse que dará sequência ao trabalho de recuperação física e crê que logo poderá estrear. "Espero que possa faze sucesso com essa camisa. Estou bem, trabalhando cada dia melhor, no Grêmio eu já fazia etapa final, estava parado, mas vai ser a minha terceira semana. O mais rápido possível estarei apto para o treinador, quero estar em campo e vamos avaliar como estou, para ficar à disposição do Mancini", frisou.

"Vou tratar de ficar bem sempre, pois a prioridade é o time, ninguém é maior que o América. Eu preciso estar à disposição do treinador e quero ajudar o time, minha caracteristica de jogo é dar assistências, bater faltas, e espero ajudar o time a melhorar. O América tem um grande elenco e espero ajudar a todos", completou o armador.

Jogadores estrangeiros contratados pelo América




Compartilhe