Atlético

ATLÉTICO

Galo: sem lateral-esquerdo, Cuca terá que improvisar contra o Atlético-GO

Técnico não tem as quatro primeiras opções para a posição; veja possíveis substitutos

postado em 30/06/2021 06:00 / atualizado em 29/06/2021 22:53

(Foto: Pedro Souza/Atlético)
Além da sequência negativa do Atlético, Cuca terá outro problema na partida contra o Atlético-GO, na quinta-feira, às 19h, no Mineirão, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. As principais opções do time para a lateral esquerda não vão estar disponíveis. Com isso, o técnico terá que improvisar. 

Titular da posição, Guilherme Arana levou o terceiro cartão amarelo na competição contra o Santos e fica de fora. Dodô, seu substituto imediato, sofreu uma lesão muscular na região posterior da coxa esquerda no dia 16 de julho, na vitória sobre o Internacional, e desfalca a equipe por tempo indeterminado. 

O volante Allan poderia ser opção para exercer a função, mas foi expulso diante do Santos ao levar o segundo amarelo na partida. O zagueiro Junior Alonso, que já atuou na posição, ainda está com a Seleção Paraguaia na Copa América. 

Sem os quatros jogadores que poderiam atuar na lateral esquerda, Cuca tem duas opções: colocar um atleta pouco habituado na função, ou mudar o esquema tático e usar três zagueiros, o que é pouco provável. O meio-campista Calebe é canhoto e atuou como ala-esquerdo com o ex-técnico Jorge Sampaoli, o que o credencia a ser selecionado.

O zagueiro Gabriel jogou como lateral-direito em outras ocasiões e também poderia ser improvisado na esquerda, em uma escolha mais conservadora. Mariano, por conhecer bem a posição do lado direito, pode ser escolhido pelo técnico. A última opção, menos provável, é utilizar o volante Tchê Tchê, acostumado a fazer a função pela direita, como um lateral que centraliza.

Questionado sobre a dificuldade para escolher o jogador, o auxiliar-técnico Cuquinha disse que é uma dor de cabeça, mas não maior do que ficar sem pontuar.  

"Não tem o que fazer. Vamos ter dor de cabeça pra armar o time na quinta-feira? Vamos. Mas a dor de cabeça nossa é não tendo resultado, não somando pontos, somando um ponto nos últimos nove. Isso é mais dor de cabeça ainda. Quanto à lateral esquerda, vamos ter que dar um jeito. Vamos ver o que fazemos. Temos é que ganhar o jogo e colocar o Atlético na parte de cima da tabela, que é o que o torcedor e a gente espera", disse, em entrevista coletiva após a derrota para o Santos. 

Tags: galo cuca futnacional lateral esquerda seriea atleticogo