Atlético

ATLÉTICO

Cuca lamenta derrota e gol do Flamengo em 'momento de controle' do Atlético

Galo dominou as ações, mas foi pouco efetivo, principalmente no segundo tempo

postado em 30/10/2021 22:50

(Foto: Pedro Souza/Atlético)

O Atlético perdeu jogo importante na caminhada rumo ao título brasileiro. O Galo foi derrotado pelo Flamengo, concorrente direto da equipe na luta pela taça, por 1 a 0, neste sábado, no Maracanã. O técnico Cuca lamentou o resultado negativo, principalmente pelo gol sofrido no momento em que a equipe controlava as ações do jogo.





"Tínhamos o controle do jogo. Primeiro tempo foi o controle do jogo. Nós finalizamos muitas vezes, salvo engano nove no primeiro tempo, contra duas do Flamengo. Eles encontraram o gol em uma dessas, uma jogada de linha de fundo, cruzamento do Isla, desvio do Bruno Henrique de cabeça e a entrada do Michael, que acabou fazendo o gol", disse Cuca.

Para o segundo tempo, Cuca fez diversas mudanças na equipe alvinegra, mas as alternativas encontradas pelo treinador não surtiram efeito. O Galo teve raras oportunidades na etapa final e não incomodou muito o Flamengo.



"No segundo tempo, pouco criamos. Tiramos o Guga, que já tinha cartão amarelo, estava perigoso, fizemos ali a entrada do Zaracho por aquele setor, depois tentamos com o Mariano. Tentamos dois atacantes por dentro, o Diego e o Hulk, abrindo na ponta o Keno, Vargas e depois Savarino. O próprio Jair, adiantar esse homem que organizasse essas infiltradas. Depois tentamos isso com a entrada do Nathan. Nacho foi muito bem marcado, principalmente no segundo tempo, quando o Flamengo abaixou bem a linha".

Para Cuca, o Atlético fez uma boa partida - o Alvinegro teve, inclusive, mais posse de bola do que o Flamengo, algo raro em jogos do Rubro-Negro em casa. O treinador parabenizou o adversário pela vitória e lamentou, pois sua equipe não conseguiu marcar mesmo tendo maior volume de jogo.

"Se você for ver jogos no Maracanã, é difícil ver adversário que tenha tido maior posse de bola do que o Flamengo - nós tivemos o dobro. Tivemos o dobro de finalizações. E não foi o suficiente para ganharmos. Bateu na trave no primeiro tempo, também no segundo. Não é um jogo que você vai entrar na cara do gol toda hora. Passou raspando no chute do Guga... Não foi um jogo mal jogado, acho que jogamos uma boa partida. Merecíamos uma sorte melhor, mas temos que enaltecer o espírito que o Flamengo teve. Jogou uma partida com muita determinação, principalmente da marcação. No futebol o que importante mais de tudo é o resultado. Neste aspecto, estão de parabéns. Fizeram um gol e não fizemos nenhum, mesmo tendo maior volume", concluiu.

O Atlético volta a campo na próxima quarta-feira, às 21h, no Mineirão, em jogo remarcado contra o Grêmio. O Galo tem dez pontos a mais do que o Flamengo, vice-líder. O Rubro-Negro jogou duas vezes a menos.