UAI

2

Atlético marca no fim, vence Pouso Alegre, supera Cruzeiro e lidera Mineiro

No último lance, Fábio Gomes marcou e garantiu triunfo alvinegro no Manduzão

26/02/2022 18:36 / atualizado em 26/02/2022 19:31
compartilhe
Atlético venceu o Pouso Alegre por 3 a 2 e garantiu liderança do Mineiro
foto: Pedro Souza/Atlético

Atlético venceu o Pouso Alegre por 3 a 2 e garantiu liderança do Mineiro

Foi no sufoco! No último lance do jogo, o centroavante Fábio Gomes assegurou a vitória do Atlético por 3 a 2 sobre o Pouso Alegre, neste sábado de Carnaval (26), no Manduzão, pela oitava rodada do Campeonato Mineiro. Com o resultado, o time alvinegro garantiu a liderança.

Eduardo Sasha marcou duas vezes para o Galo, enquanto Ramon Baiano descontou para o Pouso Alegre. No último lance, Fábio Gomes - que havia acabado de entrar - garantiu os três pontos para o Galo.



O jogo deste sábado marcou o recorde de público do Manduzão. Foram 12.113 torcedores no estádio, superando os 11.263 que acompanharam a vitória do Cruzeiro por 2 a 1 sobre o Botafogo em julho de 1998.

Com o resultado, o Atlético assumiu a ponta, com 19 pontos - mesmo número do Cruzeiro, mas com vantagem pelo saldo de gols. Já o Pouso Alegre segue na lanterna, com apenas três pontos.

As equipes voltam a campo pela nona rodada no próximo domingo (6). O Atlético tem clássico com o Cruzeiro no Mineirão, a partir das 18h. Antes, às 10h30, o Pouso Alegre visita o Patrocinense no Pedro Alves do Nascimento, em Patrocínio.

O jogo


Pouso Alegre x Atlético: veja fotos do jogo



O técnico Antonio Mohamed decidiu poupar parte do time titular do Atlético. O lateral-direito Mariano, o zagueiro Godín, o volante Jair e o atacante Hulk nem viajaram a Pouso Alegre. O meia Matías Zaracho segue em recuperação de dores na coxa esquerda.

Desde o início, o time misto do Atlético dominou a partida e criou as melhores oportunidades. Pelo alto e em finalizações de fora, o time alvinegro levou perigo contra o gol defendido por Cairo.

Não demorou muito a sair o primeiro gol. Aos nove minutos, após cobrança de escanteio, Eduardo Sasha cabeceou com precisão: 1 a 0. A partir daí, a equipe alvinegra seguiu melhor - embora tenha sofrido sustos pelo alto.

Foram muitas as oportunidades de ampliar o marcador, mas o placar seguiu o mesmo. Allan, Ademir, Vargas e Keno finalizaram, mas não conseguiram aumentar a vantagem.

Na volta para o segundo tempo, o Pouso Alegre voltou melhor. Nos primeiros minutos, o time da casa cobrou da arbitragem duas possibilidades de pênalti, que acabaram não marcados. O Atlético dava espaço.

O bom momento do Pouso Alegre deu resultado. Aos 14 minutos, Ramon Baiano apareceu nas costas de Guilherme Arana e mandou para as redes.

Mas a qualidade alvinegra fez a diferença. Logo aos 26, um lance muito parecido com o gol de empate contra o Flamengo, pela Supercopa, no domingo passado: Ademir lançou para Vargas, que ajeitou para Sasha (não Hulk desta vez) concluir com precisão: 2 a 1.

Mas a vantagem atleticana não durou muito. Aos 39 do segundo tempo, o Pouso Alegre cobrou falta em dois tempos e jogou a bola na área. Ramon Baiano - de novo ele - deixou tudo igual, novamente de cabeça.

Quanto o empate parecia que permaneceria até o fim, brilhou a estrela de Fábio Gomes. O atacante acabara de entrar quando, de cabeça, testou para o fundo das redes: 3 a 2.

POUSO ALEGRE 2 X 3 ATLÉTICO


Pouso Alegre
Cairo; Nando, Ramon, Luanderson e Carlinhos; Gledson, Lucas Rodrigues (Iago), Lucas Gonçalves (Elivélton Foguinho) e Denner (Gabriel Pereira); Eberê (João Marcos) e Bruno Moraes (Lucas Reis)
Técnico: Francisco Diá

Atlético
Everson; Guga, Nathan Silva, Réver e Guilherme Arana; Otávio (Calebe), Allan e Eduardo Sasha; Ademir (Savarino), Keno (Nacho Fernández) e Vargas (Fábio Gomes)
Técnico: Antonio Mohamed

Motivo: 8ª rodada do Campeonato Mineiro
Data e horário: sábado, 26 de fevereiro de 2022, às 16h30
Local: Estádio Manduzão, em Pouso Alegre

Gols: Ramon Baiano, aos 14' do 2ºT (POU); Eduardo Sasha, aos 9' do 1ºT e aos 26' do 2ºT, e Fábio Gomes, aos 51' do 2ºT (ATL)
Cartões amarelos: Lucas Gonçalves, aos 19' do 1ºT, Nando, aos 9' do 2ºT, e Carlinhos, ao fim do jogo (POU); Eduardo Vargas, aos 39' do 2ºT (ATL)

Público: 12.113 torcedores
Renda: R$ 249.798

Árbitro: Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira
Assistentes: Ricardo Junio de Souza e Augusto Magno de Ramos

Compartilhe