UAI

2

Atlético goleia Caldense em prévia da semi e assegura liderança do Mineiro

Com gols de Sasha, Vargas (um golaço!) e Hulk, Galo venceu por 3 a 0 na tarde deste sábado, no Mineirão, na última partida da fase classificatória do Estadual

19/03/2022 18:20 / atualizado em 19/03/2022 20:03
compartilhe
Jogadores do Atlético comemoram gol contra a Caldense, neste sábado, no Mineirão
foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press

Jogadores do Atlético comemoram gol contra a Caldense, neste sábado, no Mineirão

Foi daqueles jogos em que a superioridade técnica e tática do melhor time assegurou o domínio total e uma vitória sem sustos. Mesmo cheio de reservas, o Atlético se impôs diante da Caldense na tarde deste sábado e goleou por 3 a 0, no Mineirão, pela 11ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro. Sasha, Vargas (com um golaço) e Hulk marcaram os gols.


Com a vitória, o Atlético sobe para 28 pontos e assegura a liderança. Já a Caldense termina a fase classificatória do Estadual em quarto, com 18 pontos. A partida deste sábado foi uma "prévia" da semifinal, que vai opor as equipes novamente.

Os jogos de ida e volta estão previstos, respectivamente, para os dias 23 (quarta-feira) e 27 (domingo) de março, mas sem horários confirmados pela Federação Mineira de Futebol (FMF).

A primeira partida será com mando da Caldense, mas o local ainda não foi definido; a segunda, no Mineirão, em Belo Horizonte. A outra semifinal da competição será disputada entre Cruzeiro e Athletic.

Sasha abre caminho


Cheio de reservas, o Atlético teve domínio territorial durante todo o primeiro tempo no ensolarado Mineirão. Incisivo no começo, o time alvinegro terminou a etapa inicial com quase 64% de posse de bola e mais que o dobro de passes trocados que a Caldense (350 a 143).

Faltaram, porém, finalizações certeiras. A equipe até arriscou, mas a pontaria não era das melhores. Das seis conclusões, só uma foi em direção ao gol. E bastou. Aos 19 minutos, Eduardo Sasha recebeu passe de Guga, fez belo giro na área e bateu cruzado, rasteiro, para abrir o placar: 1 a 0.

Atlético x Caldense: veja fotos do jogo do Mineiro



O gol no começo fez o ritmo alvinegro no terço final do campo cair. Mesmo assim, por ter a bola, o Atlético cedeu pouco (ou quase nada) à Caldense. A única finalização certa dos visitantes foi de Neto, já na reta final da primeira parte, em bola que parou no pé do goleiro Rafael.

Goleada


Em desvantagem, a Caldense se viu obrigada a sair mais para o jogo. Embora não exercesse nenhuma pressão sobre o Atlético, o time visitante avançou as peças. Com isso, deu espaço para as transições rivais. E foi assim que a vantagem se dilatou logo aos nove minutos.

Sasha girou com a bola na intermediária e serviu Eduardo Vargas. O chileno dominou, ajeitou o corpo e, de fora da área, soltou um chutaço no ângulo esquerdo de Renan Rinaldi, que nada pôde fazer. Belíssimo gol para fazer 2 a 0 para o Atlético.

Com mais espaço, o time alvinegro continuou criando oportunidades. Em mais um contragolpe, Hulk - que acabara de entrar - recebeu passe de Dylan (outro que saiu do banco) e finalizou para o gol vazio: 3 a 0. E esse placar seguiu até o fim.

ATLÉTICO 3 X 0 CALDENSE


Atlético
Rafael; Guga, Igor Rabello, Diego Godín e Guilherme Arana; Otávio, Matías Zaracho (Tchê Tchê, aos 19' do 2ºT) e Calebe (Dylan, aos 19' do 2ºT); Savarino (Ademir, aos 26' do 2ºT), Eduardo Vargas (Guilherme Castilho, aos 32' do 2ºT) e Eduardo Sasha (Hulk, aos 19' do 2ºT)
Técnico: Antonio Mohamed

Caldense
Renan Rinaldi; Yuri Ferraz, Jonathan Costa, Lula e Mateus Muller; Guilherme Borges (Paulo Vitor, aos 37' do 2ºT), Ikaro (Igor Pimenta, aos 26' do 2ºT) e Alemão (Franklin, aos 37' do 2ºT); Gabriel Braga (Pedro Gabriel, aos 16' do 2ºT), Marco Aurélio (Filipi, aos 16' do 2ºT) e Neto Costa
Técnico: Gian Rodrigues

Motivo: 11ª rodada do Campeonato Mineiro
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data e horário: sábado, 19 de março de 2022, às 16h30 (de Brasília)

Gols: Eduardo Sasha, aos 19' do 1ºT, Eduardo Vargas, aos 13', e Hulk, aos 24' do 2ºT (ATL)
Cartões amarelos: Eduardo Vargas, aos 47' do 1ºT, e Matías Zaracho, aos 7' do 2ºT (ATL); Neto Costa, aos 8', Gabriel Braga, aos 15', e Paulo Vitor, aos 45' do 2º (CAL)

Público: 22.800 pessoas
Renda: R$ 649.317,50

Árbitro: Wanderson Alves de Souza
Assistentes: Leonardo Henrique Pereira e Fernanda Nandrea Gomes Antunes

Compartilhe