UAI

2

Com Turco pressionado, Atlético recebe Santos para seguir no G4 da Série A

Após somar um ponto em dois jogos fora de casa, Galo recebe o Peixe sob pressão da torcida, especialmente pela derrota para o Fluminense na última quarta-feira

11/06/2022 05:00 / atualizado em 11/06/2022 09:19
compartilhe
Torcida do Galo está na bronca com o técnico Turco Mohamed
foto: Pedro Souza/Atlético

Torcida do Galo está na bronca com o técnico Turco Mohamed

A derrota por 5 a 3 para o Fluminense, na última quarta-feira, despertou a ira do torcedor do Atlético. Nas redes sociais, a hashtag #foraTurco vem ganhando cada vez mais adeptos. Neste sábado, o Galo recebe o Santos, às 19h, no Mineirão, para tentar reencontrar o caminho das vitórias no Campeonato Brasileiro e aliviar a pressão no treinador argentino.

Nos últimos dois jogos, ambos fora de casa, apenas um ponto conquistado (contra o líder Palmeiras, considerado um bom resultado). Mas, a derrota para o Fluminense, por 5 a 3, deixou marcas no Galo. O time perdeu a invencibilidade como visitante e voltou a levar cinco gols depois de mais de 11 anos (a última vez havia sido na goleada por 6 a 1 para o Cruzeiro, na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2011, quando a Raposa conseguiu escapar do rebaixamento).

Apesar da pressão, a diretoria segue confiando no trabalho do treinador, apontado como substituto ideal de Cuca, que deixou o Galo no fim do ano passado após conquistar quase tudo (Campeonato Mineiro, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil). 

Um resultado negativo nesta noite, no entanto, pode causar uma reação ainda mais forte dos torcedores, que já vaiaram o time recentemente no Mineirão (após a derrota para o Tolima, quando a equipe já havia garantido a classificação na Copa Libertadores).

"Jogar em time grande é assim mesmo, pressão sempre vai existir, ainda mais pelo plantel que a gente tem. O que temos que fazer é trabalhar e voltar a vencer. A gente sabe da força da nossa torcida. Para eles ficarem felizes e nos apoiar sempre, temos que trabalhar bastante e conseguir as vitórias. Tenho certeza que, com isso, tudo vai voltar ao normal e o ambiente vai voltar a ficar tranquilo", diz o lateral-esquerdo Guilherme Arana, que volta ao time após três jogos fora.

Atlético


O Atlético terá um importante retorno no jogo deste sábado. Guilherme Arana voltou ao Galo após período com a Seleção Brasileira e será titular diante do Santos. Desta forma, Rubens volta para o banco de reservas.

Na defesa, o técnico Turco Mohamed precisará fazer outra mudança. Nathan Silva levou o terceiro cartão amarelo contra o Fluminense e desfalca a equipe. Réver e Igor Rabello brigam pela vaga na equipe.

No último jogo, Keno voltou a atuar após pouco mais de um mês afastado. O atacante atuou por alguns minutos diante do Fluminense e pode, até mesmo, sair como titular diante do Santos. Caso aconteça, a tendência é que Ademir ou Sasha iniciem como opção no banco. 

Por outro lado, o atacante Eduardo Vargas, recuperado de lesão na coxa, ainda não deve ser opção para Turco Mohamed. O chileno iniciou a transição nessa quinta-feira e deve demorar um pouco mais para ser relacionado. 

Santos


O Santos tem novidades para o jogo contra o Atlético. O jovem atacante Ângelo, recuperado de lesão na coxa, foi relacionado para a partida. A tendência é que ele fique no banco de reservas no Mineirão.

Quem também volta a ser relacionado é o meia Jhojan Julio. O equatoriano foi poupado contra o Internacional após sentir um desconforto muscular. Ele deve ser titular neste sábado.

Quem está fora do duelo é o atacante Léo Baptistão. O jogador teve lesão muscular constatada na coxa esquerda. Ele já iniciou o tratamento no departamento médico do Peixe.

ATLÉTICO X SANTOS


Atlético

Everson; Mariano, Réver (Igor Rabello), Alonso e Arana; Allan, Jair e Nacho; Ademir (Keno), Sasha e Hulk
Técnico: Turco Mohamed

Santos

João Paulo; Madson, Maicon, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Rodrigo Fernández, Vinícius Zanocelo e Sandry (Ricardo Goulart); Lucas Braga, Jhojan Julio e Bryan Angulo
Técnico: Fabián Bustos

Motivo: 11ª rodada do Campeonato Brasileiro
Estádio: Mineirão
Data e horário: sábado, 11 de junho, às 19h

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (CE)
Assistentes: Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE) e Renan Aguiar da Costa (CE)
VAR: Rafael Traci (SC)

Compartilhe