UAI

2

Atlético recebe Fortaleza e tenta seguir entre os primeiros do Brasileirão

Embalado por duas vitórias seguidas contra o Flamengo, no Mineirão, Galo encara o Leão do Pici e tenta diminuir distância para o líder Palmeiras

25/06/2022 05:00 / atualizado em 25/06/2022 09:35
compartilhe
Turco Mohamed está aliviado após duas vitórias seguidas pelo Atlético
foto: Pedro Souza/Atlético

Turco Mohamed está aliviado após duas vitórias seguidas pelo Atlético

O astral está mudado na Cidade do Galo. Depois de uma sequência de quatro jogos sem vitória e ameaça de demissão do técnico Turco Mohamed, o clima no Atlético voltou ao normal após duas vitórias sobre o rival Flamengo, ambas no Mineirão. Neste sábado, a partir das 21h, o Alvinegro recebe o Fortaleza no Gigante da Pampulha e busca mais um triunfo pelo Campeonato Brasileiro.

O dois triunfos sobre o Rubro-Negro foram por Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro. Na Série A, o Galo ocupa a quinta posição e tenta assumir o terceiro lugar (precisa torcer para o Athletico-PR não vencer o Bragantino, em casa). Os dois times têm 21 pontos, sete a menos que o líder Palmeiras.

Já o Fortaleza não fez bom começo de Campeonato Brasileiro, mas deu a volta por cima após bater o América na última rodada e deixou a lanterna. O Leão do Pici tenta, nesta noite, dar mais um passo para deixar a zona de rebaixamento.

O técnico Turco Mohamed espera dificuldades para o Atlético nesta noite. O treinador citou que o confronto contra o Fortaleza será de alta intensidade no Gigante da Pampulha.

"Nós esperamos um jogo difícil. Vamos ter que utilizar a máxima intensidade, máxima energia, para ganhar esse jogo. É um time que vem com a confiança em alta, ganhou o clássico pela Copa do Brasil, ganhou pelo Brasileirão. Vai ser um jogo de alta competitividade. Temos que estar com toda a energia para ganhar do Fortaleza. Vai ser um jogo muito difícil", disse o treinador argentino, mais aliviado após dois bons resultados pelo Galo.



Atlético


O Atlético terá mudanças para o jogo contra o Fortaleza. Na defesa, uma troca é certa: Guga substituirá Mariano na lateral direita. O experiente defensor do Atlético está suspenso por ter recebido o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o Flamengo pelo Brasileirão e perdeu a mãe na última quarta-feira (22), durante novo jogo contra o Flamengo, pela Copa do Brasil.

Outras mudanças na defesa podem ocorrer se Turco Mohamed optar por preservar jogadores para a partida contra o Emelec, na próxima terça-feira, pela ida das oitavas de final da Copa Libertadores. O treinador argentino deve aguardar resposta do departamento de fisiologia para saber se terá que substituir algum atleta por desgaste físico.
 
No meio-campo, Otávio deve seguir como titular, já que Jair, em recuperação de cirurgia na mão esquerda, não deve ser liberado. Com Nacho Fernández suspenso, os jovens Rubens e Calebe são os principais postulantes à terceira vaga no setor intermediário do campo.
 
Por fim, o ataque também terá mudanças. Isso porque o atacante Keno voltou a sentir dores no músculo posterior da coxa direita, na vitória sobre o Flamengo na quarta-feira, e dificilmente será utilizado. O astro Hulk, com inflamação na sola do pé direito, também pode ser preservado pensando na Libertadores.

Fortaleza


Assim como o Galo, o Tricolor do Pici também passará por mudanças para o confronto deste sábado. O técnico argentino Juan Pablo Vojvoda não contará com o atacante Robson, que nem mesmo viajou para Belo Horizonte. O jogador teve estiramento no ligamento do joelho esquerdo, no clássico contra o Ceará, na última quarta-feira, e ficará longe dos gramados por tempo indeterminado.

Outro atleta que será desfalque para a partida é o volante Zé Welison, que, por questões contratuais ligadas ao Atlético, não poderá entrar em campo. Também indisponíveis para o duelo, o meio-campista Hércules e o lateral-direito Tinga seguem no departamento médico.

Em contrapartida aos desfalques, o Fortaleza terá o retorno do meia-armador Lucas Crispim, afastado por questões disciplinares. Além dele, o volante Matheus Jussa, que sentiu desconforto muscular no Clássico-Rei, foi relacionado para a partida.

ATLÉTICO X FORTALEZA


Atlético

Everson; Guga, Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Otávio e Rubens (Calebe); Vargas (Sávio), Ademir e Hulk (Sasha)
Técnico: Turco Mohamed

Fortaleza

Marcelo Boeck; Ceballos, Marcelo Benevenuto, Titi; Pikachu, Felipe, Ronald, Lucas Lima, Juninho Capixaba (Lucas Crispim); Moisés e Romero
Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Motivo: 14ª rodada do Campeonato Brasileiro
Estádio: Mineirão
Data e horário: sábado, 25 de junho, às 21h

Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Leirson Peng Martins (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Compartilhe