UAI

2

Athletico decide proibir adereços de organizadas na Arena da Baixada

Casos recentes de violência motivaram resolução tomada pela direção do Furacão. Medida já entra em vigor no jogo desta quarta-feira

14/06/2022 23:55 / atualizado em 15/06/2022 00:19
compartilhe
Athletico anuncia restrições para torcidas organizadas na Arena da Baixada
foto: Athletico/Divulgação

Athletico anuncia restrições para torcidas organizadas na Arena da Baixada


O Athletico emitiu uma nota na noite desta terça-feira proibindo adereços que estejam ligados às torcidas organizadas em qualquer setor do estádio. A decisão, conforme divulgou o clube, foi tomada por membros das mesas diretoras do Conselho Administrativo e Deliberativo devido aos casos recentes de violência nos jogos.

"Em decorrência dos recentes e gravíssimos episódios de violência praticados por integrantes de torcidas organizadas, comunica que a partir desta data (já valendo para o próximo jogo de 15/06/2022) será proibido o acesso de adereços relativos às torcidas organizadas (bandeiras, faixas, instrumentos de percussão e outros similares) em qualquer setor do estádio, inclusive dos clubes visitantes, na Arena da Baixada", comunicou o rubro-negro.


No último jogo válido pela competição nacional entre o Furacão e Juventude, a torcida da equipe paranaense não pôde entrar no Alfredo Jaconi para assistir ao duelo devido a brigas que aconteceram nos arredores do estádio.

A equipe comandada por Felipão está em quinto lugar na tabela de classificação, com 17 pontos, apenas um atrás do Internacional, que fecha o G4.



Confira a nota do Athletico


"O Club Athletico Paranaense, por decisão administrativa e colegiada dos membros das mesas diretoras do Conselho Administrativo e Deliberativo, em decorrência dos recentes e gravíssimos episódios de violência praticados por integrantes de torcidas organizadas, comunica que a partir desta data (já valendo para o próximo jogo de 15/06/2022) será proibido o acesso de adereços relativos às torcidas organizadas (bandeiras, faixas, instrumentos de percussão e outros similares) em qualquer setor do estádio, inclusive dos clubes visitantes, na Arena da Baixada. A proibição é sem qualquer distinção.

Sem prejuízo desta determinação, o Athletico-PR permanecerá agindo de forma preventiva e repressiva para evitar novos episódios de violência e trabalhará incansavelmente para responsabilizar os infratores em todas as esferas, de maneira individualizada e/ou coletiva.

Contamos com a compreensão e o apoio dos Athleticanos de bem para esta medida extrema que tem como único intuito evitar que atos de violência voltem a ocorrer.

Não desistiremos para que as famílias possam frequentar a Arena com segurança".

Compartilhe