Cruzeiro

CRUZEIRO

Cruzeiro: Ramon diz que Mozart tem estilo de jogo parecido ao de Felipão

Zagueiro destacou que o foco da equipe agora é não tomar gols

postado em 18/06/2021 10:37 / atualizado em 18/06/2021 10:47

(Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro)

O zagueiro Ramon vê semelhanças entre os estilos de jogo dos técnicos Mozart e Luiz Felipe Scolari. O primeiro chegou ao Cruzeiro no último dia 10 e tem dado ênfase na montagem de um time mais seguro defensivamente. Foi com essa filosofia que Felipão trabalhou no clube até o início de janeiro.

"Todo treinador tem uma filosofia de trabalho. O Mozart tem estilo de jogo parecido com o que a gente jogava no ano passado com o professor Luiz Felipe Scolari. A gente tenta adequar o mais rápido possível, porque a gente sabe que precisa ser rápido, tem pouco tempo de treinamento, jogo atrás de jogo e durante as partidas a gente tenta colocar em prática o que ele pede. E no início dele aqui a gente conseguiu fazer o que ele pediu. Agora é dar sequência e temos mais um jogo difícil", disse.

Em dois jogos com Mozart, o Cruzeiro empatou em casa com o Goiás, por 1 a 1, e venceu a Ponte Preta, por 1 a 0, em Campinas. O próximo desafio será contra o Operário, neste sábado, às 19h, no estádio Germano, em Ponta Grossa.

O zagueiro Ramon destacou que o foco de Mozart é em não tomar gols. Com Felipe Conceição, o Cruzeiro era um time propositivo e que buscava o ataque. A defesa acabou sofrendo e começou a Série B levando muitos gols: derrotas por 3 a 1 para o Confiança, em Aracaju, e 4 a 3 para o CRB, no Mineirão.

"A gente sabe que quanto mais o tempo passa e não tomamos o gol durante a partida, vamos ter uma chance e os nossos atacantes vão procurar fazer o gol. A gente procura sempre defender no início do jogo, concentrar na parte defensiva. Estilo do professor é muito bom na questão defensiva, ele está mostrando isso. Agora é dar sequência. E quanto menos gol tomar, maior a chance de vencer".