Cruzeiro

CRUZEIRO

Sem clube desde a rescisão com Cruzeiro, Dedé treina no Volta Redonda-RJ

Em julho, zagueiro de 33 anos fez acordo para deixar o clube celeste

postado em 14/09/2021 16:02

(Foto: Andre Moreira/VRFC)
Sem clube desde julho, quando rescindiu seu contrato com o Cruzeiro, o zagueiro Dedé, de 33 anos, passou a treinar com o elenco profissional do Volta Redonda, do Rio de Janeiro.

Pelas redes sociais, nesta terça-feira, o clube carioca demonstrou felicidade por receber o jogador, formado em suas categorias de base. 

"É com muita felicidade e carinho que o Volta Redonda está recebendo o zagueiro Dedé, prata da casa do Esquadrão de Aço, para um período de treinamentos junto ao elenco profissional, com o intuito de utilizar toda a estrutura tricolor para manter e aprimorar a sua forma física", escreveu o clube.

Após longa batalha judicial, Cruzeiro e Dedé entraram em um acordo para a rescisão do contrato em julho. Os documentos são sigilosos, mas o GE noticiou que os mineiros se comprometeram a pagar R$ 16,6 milhões ao defensor em 60 parcelas, a partir do ano que vem.

Ou seja, ainda que não consiga encontrar um novo clube para dar sequência em sua carreira, Dedé receberá do Cruzeiro cerca de R$ 275 mil por mês entre 2022 e 2026. 

O zagueiro não disputa uma partida oficial desde 19 de outubro de 2019, quando o Cruzeiro venceu o Corinthians por 2 a 1, em São Paulo, pela 27ª rodada do Brasileirão. Na ocasião, ele machucou o joelho e precisou ser substituído por Cacá. Posteriormente, tentou tanto o tratamento conservador quanto o cirúrgico, porém não alcançou as condições ideais para voltar a jogar.

Contratado pelo Cruzeiro por R$ 14 milhões ao Vasco, em abril de 2013, Dedé conquistou sete títulos pelo Cruzeiro: dois Campeonatos Brasileiros (2013 e 2014), duas Copas do Brasil (2017 e 2018) e três Campeonatos Mineiros (2014, 2018 e 2019). Em oito anos no clube, o zagueiro esteve em campo em 188 oportunidades e marcou 15 gols. Sua sequência foi prejudicada por lesões nos dois joelhos, a ponto de atuar em apenas 12 ocasiões de 2015 a 2017.  

Tags: serieb interiormg futnacional mercadobola