Adversário do Cruzeiro, Coritiba só perdeu um jogo em casa na Série B

Líder do campeonato tem 69% de aproveitamento como mandante

07/10/2021 06:00 / atualizado em 07/10/2021 20:08
compartilhe
Prefeitura de Curitiba autorizou a utilização de 50% da capacidade do estádio Couto Pereira. Assim, o jogo entre Coritiba e Cruzeiro poderá receber até 20 mil torcedores
foto: Divulgação/Coritiba

Prefeitura de Curitiba autorizou a utilização de 50% da capacidade do estádio Couto Pereira. Assim, o jogo entre Coritiba e Cruzeiro poderá receber até 20 mil torcedores


O Cruzeiro terá uma tarefa desafiadora no confronto com o Coritiba , às 21h30 desta sexta-feira, no estádio Couto Pereira, pela 29ª rodada da Série B. Jogando dentro de seus domínios, o time paranaense perdeu apenas um vez no campeonato: 1 a 0 para o Botafogo, em 27 de agosto, pela 21ª rodada. Nos demais duelos, ganhou oito e empatou cinco, com 69,05% de aproveitamento.

O desempenho em Curitiba tem peso importante para a liderança isolada da Série B, com 54 pontos em 28 jogos - 15 triunfos, nove empates e quatro reveses. Treinado pelo paraguaio Gustavo Morínigo, o Coxa tem mais de 97% de probabilidade de acesso e 58,6% de conquistar o título, de acordo com o Departamento de Matemática da UFMG .

Apesar da força do adversário, os jogadores cruzeirenses acreditam que a equipe de Vanderlei Luxemburgo tem totais condições de sair com os três pontos. Na opinião do zagueiro Eduardo Brock, o desempenho recente no empate com o Guarani (1 a 1, em Campinas) e na vitória sobre o Brasil de Pelotas (2 a 0, em Belo Horizonte) credencia o clube a buscar um bom resultado no Sul do país.

“Vamos para lá com o intuito de vencer. Quem acha que não temos condições, com certeza não está vendo nossas partidas. Nosso time tem qualidade e condições. Quando enfrentamos times do G4, sempre a equipe se portou bem. Não tenho dúvidas de que a equipe se portará bem contra o Coritiba e elevará o nível de atuação diante de uma grande equipe”.

O lateral-esquerdo Matheus Pereira prevê um embate de muitas oportunidades para ambos os lados. “É um jogo difícil enfrentar a equipe do Coritiba lá. Mas é um jogo bom entre duas equipes grandes. Será um jogo aberto, bom de jogar. Vamos para lá em busca dos três pontos”.

Em 12º lugar na Série B, com 35 pontos, o Cruzeiro tem 38,1% de aproveitamento fora de Minas Gerais. São três vitórias, sete empates e quatro derrotas, com 13 gols marcados e 15 sofridos. Sob o comando de Luxemburgo, o time venceu dois jogos e empatou quatro longe de casa.

Em 50 jogos contra o Coritiba, o Cruzeiro levou a melhor em 23, empatou 14 e perdeu 13. Na única final entre os clubes, a Raposa conquistou a Copa Sul-Minas de 2001 ao vencer por 2 a 0, no Couto Pereira (gols de Jackson e Oséas), e 3 a 0, no Mineirão (gols de Jorge Wagner, Geovanni e Marcelo Ramos). O time era dirigido por Luiz Felipe Scolari.

Compartilhe