UAI

2

Rincón segue em estado crítico, e médico diz que evolução 'não é favorável'

Ex-jogador sofreu acidente de carro na cidade de Cali, na Colômbia, na madrugada dessa segunda-feira (11)

13/04/2022 17:41 / atualizado em 13/04/2022 18:09
compartilhe
Rincón sofreu acidente de carro na cidade de Cali, na Colômbia, na madrugada dessa segunda-feira (11)
foto: Maria Tereza Correia/Estado de Minas

Rincón sofreu acidente de carro na cidade de Cali, na Colômbia, na madrugada dessa segunda-feira (11)


O ex-jogador Freddy Rincón, ídolo do Corinthians e ex-Cruzeiro, segue internado após sofrer um acidente de carro na cidade de Cali, na Colômbia. O diretor médico do hospital onde o ex-meia está sob cuidados, Laureano Quintero, atualizou a situação, afirmando que segue crítica e que a evolução não tem sido favorável.


"Mediante autorização dos familiares, informo que a situação de Freddy Rincón segue sendo profundamente crítica. A condição clínica, os exames, não mostram uma condição favorável. Sua condição e gravidade são extremas. O prognóstico segue sendo muito reservado. Seguiremos com todas as medidas pertinentes, e deve ser claro que a evolução não é favorável e que a condição segue sendo extremamente crítica", afirmou o médico em vídeo divulgado pela Notícias Caracol.

De acordo com divulgação da Clínica Imbanaco Grupo Quirónsalud, Rincón sofreu um trauma cranioencefálico severo. O colombiano foi submetido a uma intervenção cirúrgica nessa segunda-feira (11) de duas horas e 45 minutos de duração, logo após o acidente de trânsito sofrido.
 
Ônibus e SUV, carro em que o ex-jogador de 55 anos se encontrava, colidiram na cidade de Cali, na Colômbia. Além do ex-meia, duas pessoas que estavam na SUV e o motorista do transporte coletivo ficaram feridas.
 
 
 

Carreira 

 
Sempre muito polêmico, o ex-meio-campista Freddy Rincón passou por diversos clubes com notoriedade internacional. No Brasil, o colombiano vestiu a camisa do Palmeiras, do Santos e do Cruzeiro, mas foi no Corinthians que marcou história, se tornando um dos maiores ídolos do clube e campeão do Mundial de 2000.

Em Minas Gerais, o ex-meio-campista teve curta passagem pela Toca da Raposa, em 2001. Em 22 jogos, marcou apenas um gol com a camisa celeste. Por meio de suas redes sociais, o Cruzeiro desejou forças ao ex-atleta.

Já como treinador, o colombiano passou por outro time mineiro, o Atlético. Em 2010, Vanderlei Luxemburgo convidou Rincón para trabalhar como auxiliar na equipe alvinegra. No Galo, Luxa permaneceu no cargo por 55 jogos, somou 22 vitórias,  12 empates e 19 derrotas.  

Compartilhe