UAI

2

Mancini admite preocupação com falta de atacantes italianos de alto nível

Seleção Italiana vive crise após ficar de fora da Copa do Mundo

03/06/2022 20:11
compartilhe
Mancini: 'É preciso encontrar atacantes que, infelizmente, não existem na Itália'
foto: Glyn Kirk/AFP

Mancini: 'É preciso encontrar atacantes que, infelizmente, não existem na Itália'



O técnico da Itália, Roberto Mancini, não escondeu nesta sexta-feira sua "preocupação" com a falta de atacantes de alto nível no país, em pleno processo de reconstrução de sua seleção depois de não ter se classificado para a Copa do Mundo de 2022.

"É algo que tem nos preocupado, sim. No futebol, para ganhar, tem que marcar. É preciso encontrar atacantes que, infelizmente, não existem na Itália", afirmou Mancini em entrevista coletiva na véspera da estreia na Liga das Nações, contra a Alemanha, em Bolonha.

"Os dois únicos continuam sendo Andrea Belotti e Ciro Immobile. Os outros jovens atacantes têm problemas para jogar. A esperança é que os que jogam na Serie B (segunda divisão) possam jogar em breve e marcar na Serie A", concluiu o treinador, que no sábado fará seu 50º jogo no comando da Azzurra.

Campeã da Eurocopa em 2021, a Itália fracassou em sua tentativa de se classificar para o Mundial do Catar em março deste ano, quando foi derrotada por 1 a 0 pela Macedônia do Norte na repescagem das Eliminatórias Europeias.

Na última quarta-feira, a Seleção Italiana foi derrotada por 3 a 0 em Wembley para a Argentina na Finalíssima, um duelo entre as seleções campeãs da Europa e da América do Sul.

Compartilhe