UAI

2

Jogadores do Inter se recusam a treinar em protesto por atraso em pagamento

Segundo o jornal GaúchaZH, a decisão foi tomada pelo grupo do Colorado por causa de atraso no pagamento dos direitos de imagem de março, abril e maio

01/06/2022 13:24 / atualizado em 01/06/2022 13:37
compartilhe
Técnico do Internacional, Mano Menezes não teve jogadores para comandar treinamento nesta quarta-feira
foto: SILVIO AVILA / AFP

Técnico do Internacional, Mano Menezes não teve jogadores para comandar treinamento nesta quarta-feira


Os jogadores do Internacional se recusaram a treinar, nesta quarta-feira (1º), no CT Parque Gigante. Segundo o jornal GaúchaZH, a decisão foi tomada por conta de atraso no pagamento dos direitos de imagem de março, abril e maio.



Por meio de decisão coletiva, os atletas entraram em contato com os dirigentes exigindo a remuneração – o que não ocorreu.

Assim, o treinamento, marcado inicialmente para 9h45 (de Brasília), acabou cancelado e o grupo foi liberado. O Colorado ainda não se pronunciou oficialmente.

Ainda de acordo com a publicação, a diretoria afirmou que vai quitar os vencimentos nesta quarta-feira.

Os dirigentes do Inter pretendem estabelecer um acordo com as lideranças do grupo e, desta forma, seguir o cronograma das atividades – no caso, garantir os treinos desta quinta-feira.

Vindo de empate com o Atlético-GO por 1 a 1, o Internacional ocupa a 12ª posição da Série A do Campeonato Brasileiro e retorna aos gramados no domingo, às 19h (de Brasília), quando visita o Red Bull Bragantino. A partida, pela nona rodada da competição, será disputada no Estádio Nabi Abi Chedid.



Compartilhe