UAI


Palmeiras bate Grêmio, chega a 4 vitórias seguidas e volta à vice-liderança

Resultado afunda ainda mais o Tricolor Gaúcho no Z4 do Campeonato Brasileiro

31/10/2021 18:15 / atualizado em 31/10/2021 18:44
compartilhe
Raphael Veiga marcou dois gols na vitória do Palmeiras sobre o Grêmio
foto: Cesar Greco/Palmeiras

Raphael Veiga marcou dois gols na vitória do Palmeiras sobre o Grêmio

O Palmeiras deu sequência à sua boa fase derrotando o Grêmio de virada em Porto Alegre na tarde deste domingo, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. A quarta vitória seguida na competição faz com que o Alviverde volte à vice-liderança do torneio e diminua a diferença para o líder. O Grêmio até começou bem na partida, mas levou a virada e vê sua situação na briga para fugir do rebaixamento ficar complicada.

O Palmeiras chega a 52 pontos, volta a ultrapassar o Flamengo, que tem 49 (assim como Red Bull Bragantino) e diminui a diferença para o Atlético-MG, que agora é de sete pontos. A quarta vitória seguida vem em um momento de celebração para o Palmeiras. No último sábado, o técnico português Abel Ferreira comemorou um ano no comando do time paulista.

O Grêmio segue em situação delicada, na vice-lanterna. O time gaúcho possui 26 pontos e está a sete do Bahia, que é o primeiro time fora da zona de rebaixamento. Com a derrota neste domingo, o Grêmio chega a seis jogos seguidos sem conseguir vencer o Palmeiras. São dois empates e agora quatro vitórias alviverdes nos últimos encontros das equipes. No primeiro turno deste Brasileirão, o Palmeiras venceu por 2 a 0 no Allianz Parque, na 10ª rodada.

Invasão de campo

Insatisfeitos com o resultado, torcedores do Grêmio invadiram o campo ao fim da partida e tentaram entrar também no túnel que dá acesso ao vestiário. A cabine do VAR chegou a ser depredada. Após o apito final, a torcida mandante já havia tentado atirar objetos nos jogadores do Palmeiras. Torcedores dos dois times também trocaram socos através de uma grade nas arquibancadas.

Nas últimas oito partidas que fez, todas pelo Campeonato Brasileiro, o Grêmio sofreu pelo menos um gol. Neste domingo, Geromel e Kannemann voltaram a formar a dupla de zaga da equipe gaúcha. O último levou cartão amarelo e fica suspenso para a próxima partida, assim como o meia Jean Pyerre.

Não demorou para que os torcedores presentes na área do Grêmio se assustassem com os chutes de perigo de Gustavo Scarpa. Logo aos 7 minutos, o meia do Palmeiras cobrou falta e acertou a trave. A resposta gremista veio com gol, três minutos depois. Douglas Costa ganhou disputa com Marcos Rocha e fez grande jogada, deixando Gustavo Gómez pelo caminho. O ponta-esquerda cruzou rasteiro para Diego Souza só tocar para o gol.

Com oscilações, o Palmeiras criou oportunidades, mas não encontrou facilidade para agredir o Grêmio, que estava ligado em campo. O time gaúcho só não ampliou devido ao goleiro Weverton, que fez grande defesa em cabeceio de Diego Souza.

A estrela de Raphael Veiga brilhou e o Palmeiras conseguiu a virada ainda no primeiro tempo, com dois gols do meia nos acréscimos. Uma bolada enfiada para Marcos Rocha na linha de fundo abriu caminho para empate. Thiago Santos foi para a dividida e derrubou o lateral-direito palmeirense. Após consultar o VAR, o árbitro marcou pênalti. Rafael Veiga cobrou no meio do gol e fez, aos 46 minutos. Três minutos depois, o mesmo Raphael Veiga recebeu bola de Scarpa com espaço, dominou e bateu rasteiro para virar o jogo para 2 a 1.

Com o Palmeiras em vantagem, os times voltaram do intervalo para um jogo mais parado do que a agitada etapa inicial. Em boa fase, o time visitante não teve dificuldades para cadenciar o jogo e dificultar uma reação gremista, mantendo sempre sua defesa bem postada durante quase todo o segundo tempo.

Em ritmo mais lento, o jogo teve algumas tentativas de longa distância. A primeira foi em falta de Veiga, espalmada por Brenno. Mais tarde, o Grêmio assustou com uma sequência de tentativas com Cortez e Lucas Silva, todas de fora da área. O gol do Grêmio amadureceu e até chegou a sair aos 40 minutos, em uma bela jogada que terminou com voleio de Elias Manoel, mas o empate foi anulado por impedimento.

Ainda deu tempo de o Palmeiras confirmar a vitória fazendo o terceiro, novamente nos acréscimos, aos 48 minutos. Danilo Barbosa, que no mesmo minuto quase havia marcado em cobrança de falta, segurou a bola na área e viu a chegada de Breno Lopes, que chutou cruzado e fechou o placar.

Daqui a exatamente uma semana, no próximo domingo, o Palmeiras volta a campo para fazer clássico contra o Santos, na Vila Belmiro, e tentar manter a boa sequência de vitórias no campeonato. Já na quarta-feira, às 21h, o Grêmio dá continuidade aos jogos contra adversários de cima da tabela. A bola da vez será o líder Atlético-MG fora de casa, em jogo atrasado da 19ª rodada.

GRÊMIO 1X3 PALMEIRAS

GRÊMIO
Brenno; Vanderson, Kannemann, Pedro Geromel e Cortez; Thiago Santos (Lucas Silva), Villasanti (Jaminton Campaz) e Jean Pyerre (Jhonata Robert); Alisson (Diego Churin), Douglas Costa e Diego Souza (Elias Manoel). Técnico: Vagner Mancini.

PALMEIRAS
Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Piquerez; Felipe Melo, Zé Rafael (Danilo), Raphael Veiga (Breno Lopes) e Gustavo Scarpa (Wesley); Dudu (Luiz Adriano) e Rony (Danilo Barbosa). Técnico: Abel Ferreira.

Gols: Diego Souza, aos 12, e Raphael Veiga, aos 46 e 49 minutos do primeiro tempo.
Cartões amarelos: Kannemann, Jean Pyerre, Vagner Mancini, Felipe Melo, Thiago Santos, Alisson e Luan.

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Público: 14.207 presentes
Renda: R$ 650.212,00
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)

Compartilhe