UAI

2

Palmeiras vence o Al Ahly e vai à final do Mundial de Clubes

Equipe paulista aguarda o resultado da semifinal entre Chelsea e Al Hilal, da Arábia Saudita, para conhecer o seu adversário

08/02/2022 15:30 / atualizado em 08/02/2022 19:39
compartilhe
Raphael Veiga e Dudu deram show, cada um com um gol e uma assistência
foto: Karim SAHIB/AFP

Raphael Veiga e Dudu deram show, cada um com um gol e uma assistência



O Palmeiras disputará pela primeira vez a final do Mundial de Clubes da Fifa. Nesta terça-feira, o time comandado por Abel Ferreira derrotou o Al Ahly, do Egito, por 2 a 0, no Estádio Al Nahyan, e garantiu vaga na decisão. Em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, Raphael Veiga e Dudu deram show, cada um com um gol e uma assistência.



Fotos da vitória do Palmeiras sobre o Al Ahly, pela semifinal do Mundial de Clubes



O primeiro tempo foi tenso, com o Palmeiras dominando as ações com bola, mas tendo dificuldade para concluir as jogadas. Na chegada de maior perigo, veio o gol. Dudu deu brilhante assistência para Veiga sair na cara do goleiro e finalizar com precisão, de direita, para marcar.

Logo no retorno para a etapa final, Veiga retribuiu o favor e deu belo passe para Dudu, que avançou com a bola e chutou forte para ampliar. Weverton chegou a falhar em lance no qual o jogador do Al Ahly mandou para as redes, mas o adversário estava impedido. Ainda deu tempo de Ashraf dar dura entrada em Rony e ser expulso.

E agora?




Classificado para a decisão, o Palmeiras aguarda o resultado da semifinal entre Chelsea e Al Hilal, da Arábia Saudita, para conhecer o seu adversário. O jogo dos ingleses acontece na quarta-feira, às 13h30 (horário de Brasília).

A grande decisão do Mundial será realizada no sábado, às 13h30 (horário de Brasília), no Estádio Mohammed Bin Zayed.

Primeiro tempo


A partida começou com o cenário já esperado: Palmeiras tendo a posse de bola, buscando construir com troca de passes, enquanto o Al Ahly manteve as linhas baixas, apostando em contra-ataques. O Verdão tentou algumas finalizações, mas os arremates pararam em defensores do time egípcio.

Aos 38 minutos, o Palmeiras abriu o placar em Abu Dhabi. Na primeira chegada de maior perigo, Dudu recebeu de costas e deu belo passe para Rahael Veiga, que invadiu a área e finalizou de direita para tirar do goleiro e marcar.



Segundo tempo


No retorno do intervalo, o Al Ahly chegou com Afsha, mas Weverton caiu para defender sem problemas. Em seguida, o Verdão ampliou com um belo gol de Dudu. Aos três minutos, Veiga deixou Dudu em ótimas condições em toque de calcanhar, e o camisa 7 carregou pela direita, invadiu a área e finalizou algo para fazer o segundo do time.

O Al Ahly tentou chegar com Fahti, que arriscou de fora e viu a bola ser espalmada por Weverton. Aos 26 minutos, o Al Ahly chegou a diminuir, aproveitando grande falha de Weverton. No entanto, o jogador egípcio estava impedido no rebote do goleiro.

Aos 35 minutos, Ashraf deu dura entrada por trás em Rony e foi expulso, após o árbitro consultar o VAR. O Palmeiras teve a chance de marcar o terceiro, mas Marcos Rocha finalizou da entrada da área por cima do travessão. Weverton ainda trabalhou, fazendo boa defesa em finalização cruzada. Logo em seguida, os egípcios acertaram o travessão, antes do árbitro apitar o fim do jogo.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 2 X 0 AL AHLY

Data: 08 de fevereiro de 2022, terça-feira
Local: Estádio Al Nahyan, em Abu Dhabi (Emirados Árabes)
Horário: 13h30 (de Brasília)
Árbitro: Clement Turpin-FRA
Assistentes: Nicolas Danos-FRA e Cyril Gringore-FRA
VAR: Willy Delajod-FRA
Cartão amarelo: Afsha (Al Ahly)
Cartão vermelho: Ashraf (Al Ahly)

GOLS:
Palmeiras: Raphael Veiga (38 minutos do 1º tempo) e Dudu (3 minutos do 2º tempo)

PALMEIRAS: Weverton; Luan, Gustavo Gómez e Piquerez; Marcos Rocha, Danilo, Zé Rafael (Atuesta), Raphael Veiga (Jailson) e Gustavo Scarpa (Breno Lopes); Dudu (Wesley) e Rony (Deyverson).
Técnico: Abel Ferreira

AL AHLY: Ali Lofti; Mohamed Hany, Yasser Ibrahim, Ramy Rabia (Fathi), Ayman Ashraf e Ali Maaloul; Aliou Dieng, Amr El Solia (Abdelkader), Houssein El Shahat (Sherif) e Magdy Afsha; Taher Mohamed (Soliman).
Técnico: Pitso Mosimane

Compartilhe