UAI

2

Vasco perde para o Sampaio Corrêa e ajuda o Cruzeiro na ponta da Série B

Time carioca amarga dura derrota fora de casa, a segunda na competição, e dá brecha para a Raposa aumentar a vantagem na liderança

16/07/2022 18:54 / atualizado em 16/07/2022 19:37
compartilhe
Vasco sofre dura derrota para o Sampaio Corrêa no Maranhão
foto: Laécio Fontenele/Sampaio Corrêa

Vasco sofre dura derrota para o Sampaio Corrêa no Maranhão


O Vasco amargou a segunda derrota nesta Série B. Neste sábado, o Gigante da Colina, em atuação ruim, perdeu para o Sampaio Corrêa por 3 a 1, no Castelão, em São Luís, pela 18ª rodada.

Pouco inspirado ofensivamente, o Vasco pagou caro pelos erros. No primeiro tempo, uma saída de bola errada deu origem ao 1º gol do Sampaio Corrêa. Na etapa final, uma desatenção facilitou para a "lei do ex" dar o ar da graça: Ygor Catatau marcou o segundo e depois ainda ampliou.



O Gigante da Colina continua na vice-liderança da Série B, com 34 pontos, mas pode ver a distância para o Cruzeiro, atualmente em quatro pontos, aumentar. Além disso, o Vasco desperdiçou chance de ampliar vantagem sobre o quinto colocado, o Sport. A diferença está em oito pontos. Já o Sampaio Corrêa pulou para 25 pontos e está na sexta colocação.

Na próxima rodada, a última do primeiro turno, o Vasco recebe o Ituano, nesta terça-feira, às 21h30 (horário de Brasília), em São Januário. Já o Sampaio Corrêa visita o Londrina, terça-feira, às 19h (de Brasília), no Estádio do Café.

O JOGO


Contra o Sampaio Corrêa, o Vasco teve o retorno de Nenê, recuperado de lesão. O experiente meia não atuava desde o fim de junho. Edimar e Gabriel Pec voltaram ao time após cumprirem suspensão. Halls e Matheus Barbosa foram as escolhas de Maurício Souza para o gol e para o meio de campo, pois o técnico não pôde contar com os suspensos Thiago Rodrigues, Andrey Santos, além de Figueiredo.

O Vasco colocou Gabriel Batista para trabalhar aos seis minutos. Matheus Barbosa chutou de longe. O goleiro mandou para escanteio. Apesar de ter maior posse de bola, o clube carioca encontrava dificuldade para criar. E ainda vacilou. Aos 19 minutos, Matheus Barbosa perdeu a bola no meio de campo. O Sampaio engatou o contra-ataque com André Luiz, que passou para Gabriel Poveda. O atacante chutou da meia-lua e fez 1 a 0.

O Gigante da Colina voltou a assustar, aos 25 minutos. Nenê arriscou de fora da área. Gabriel Batista espalmou para escanteio. Contudo, o Vasco não conseguiu deslanchar na primeira etapa. Assim, foi para o intervalo perdendo.

O Vasco voltou para o segundo tempo com duas alterações. Maurício Souza colocou Danilo Boza e Nenê. Saíram Anderson Conceição e Nenê. O Sampaio chegou a ampliar aos cinco minutos. Pimentinha foi lançado pela direita e rolou para Rafael Vila. Ele chutou no canto e marcou. Contudo, a arbitragem apontou impedimento de Gabriel Poveda e anulou o gol. Ele estava avançado na hora do chute do companheiro. Na visão da arbitragem de campo e decisão referendada pelo VAR, ele interferiu no lance.

Aos 12 minutos, a "lei do ex" apareceu. Ygor Catatau, que defendeu o Vasco na temporada de 2020, aproveitou desatenção de Léo Matos e, livre, cabeceou para o gol, após cruzamento da direita.

Maurício Souza fez mais duas mudanças. Ele colocou MT e Luiz Henrique. Saíram Gabriel Pec e Matheus Barbosa. Não adiantou muito. Para piorar, aos 24 minutos, Ygor Catatau ampliou. Em contra-ataque, ele recebeu livre pela esquerda e tocou na saída do goleiro: 3 a 0.

O Vasco conseguiu diminuir aos 36 minutos. O clube carioca roubou a bola no campo de ataque e acelerou. A zaga do Sampaio cortou o cruzamento de Raniel. Contudo, no rebote, Erick soltou a bomba da meia-lua e marcou. Entretanto, o Vasco não teve forças para uma reação maior e amargou a derrota.

SAMPAIO CORRÊA 3 X 1 VASCO


SAMPAIO CORRÊA
Gabriel Batista; Mateusinho (Andrey), Gabriel Furtado, Nilson Júnior e Pará; André Luiz (Lucas Hipólito), Ferreira e Rafael Vila (Soares); Pimentinha (Maurício), Ygor Catatau (Renatinho) e Gabriel Poveda
Técnico: Léo Condé

VASCO
Halls; Léo Matos, Quintero (Riquelme), Anderson Conceição (Danilo Boza) e Edimar; Yuri Lara, Matheus Barbosa (Luiz Henrique) e Nenê (Juninho); Gabriel Pec (MT), Erick e Raniel
Técnico: Maurício Souza

Local: Castelão, São Luís (MA)

Data: 16/07/2022, sábado

Público: 29.300 presentes

Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)

Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira (BA) e Luanderson Lima dos Santos (BA)

VAR: Vinicius Furlan (SP)

Cartão amarelo: Anderson Conceição e MT (Vasco) e Nilson Júnior, Pará e Rafael Vila (Sampaio Corrêa)

GOLS: Gabriel Poveda, aos 19min do 1ºT; Ygor Catatau, aos 12 e aos 24, Erick, aos 36min do 2ºT

Compartilhe