Mais Esportes

NATAÇÃO

Minas tem mais nadadores com índice olímpico em seletiva no Rio de Janeiro

Fernando Scheffer vence os 200m livre e também vai a Tóquio

postado em 20/04/2021 22:48

(Foto: Ricardo Sodré/MTC)

Depois de dois dias de disputas nas Seletivas Olímpicas da Natação Brasileira, disputadas no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro, três nadadores do Minas já garantiram vaga.
 
O primeiro a garantir vaga foi Bruno Fratus, que não precisa disputar a Seletiva, por já ter o índice olímpico dos 50m livre. Ele optou por não participar da disputa, por questão de segurança, devido à COVID-19. Fratus obteve a marca durante a disputa da TYR Pro Swim Serie, competição disputada em Mission Viejo, na Califórnia, EUA, em 10 de abril último.
 
Fratus fez 21s80 e agora aguarda os resultados do 50m livre da seletiva brasileira no Rio para confirmar ou não a sua vaga. Se algum nadador fizer um tempo melhor, ele perderá a vaga. No entanto, seu tempo é superior ao dos demais nadadores brasileiros.
 
Nesta terça-feira (20/4), o nadador Fernando Scheffer venceu os 200m livre e fez o índice olímpico com o tempo de 1m46s28. A marca a ser batida era 1m47s02. Com o resultado, Scheffer também garantiu uma vaga na equipe do revezamento 4x200m livre. Natural de Canoas, no Rio Grande do Sul, Fernando nada pelo Minas desde 2018 e vai disputar sua primeira edição de Jogos Olímpicos, aos 23 anos.
 
Ele foi campeão e recordista mundial do 4x200m livre do Mundial de Piscina Curta (25m) de Hangzhou, na China, em 2018, ao lado de Luiz Altamir, Leonardo Santos e Breno Correia. Também conquistou o ouro nos 200m e no 4x200m livre nos Jogos Pan-americanos de Lima, no Peru, em 2019, e a prata nos 400m livre. Scheffer é o atual recordista sul-americano dos 200m livre, com 1m45s41.
 
“Acho que muita coisa mudou nos últimos anos, amadureci, ganhei experiência em competições internacionais e treinei muito forte, assim como vários atletas. Hoje, consegui colocar toda a minha natação na água e deu tudo certo. Seletiva olímpica é um momento único, muita coisa passa pela nossa cabeça. A ansiedade sempre bate, mas tentei manter os pensamentos em ordem. Não lembro muito bem da prova, para falar a verdade, mas gostei da forma como nadei. Queria um tempo mais baixo, mas o importante é que consegui fazer a marca. Estou muito feliz em participar da minha primeira olimpíada”, afirmou Scheffer.

Além de Scheffer, o revezamento brasileiro 4x200m livre para Tóquio terá os atletas Breno Correia (Pinheiros), Murilo Sartori (Americana) e Luiz Altamir Melo (Ideal Clube).
 
O terceiro minas-tenista a se classificar foi Guilherme Costa, nos 400m livres, prova disputada no primeiro dia, nessa segunda-feira. Ele marcou o tempo de 3m45s85.

Índices olímpicos do Minas para os Jogos de Tóquio 

Guilherme Costa – 400m livre – 3m45s85 – recorde sul-americano
Fernando Scheffer – 200m livre – 1m46s28
Julia Sebastian – 100m e 200m peito*
Bruno Fratus – 50m livre – 21s80**

*Classificada para representar a Argentina

**Alcançou o índice olímpico na competição TYR Pro Swim Serie, disputada em Mission Viejo, na Califórnia (EUA), no dia 10 de abril. O nadador aguarda os resultados da prova na Seletiva Olímpica Brasileira para confirmar a vaga

Tags: natação minas rio de janeiro Bruno Fratus 200m livre Guilherme Costa Fernando Scheffer seletiva olímpica