UAI

2

Praia vence Osasco e deixa o Minas na vice-liderança da Superliga Feminina

Líder, time de Uberlândia bate paulistas e leva rival para segundo lugar

25/01/2022 23:52
compartilhe
Anne Buijs sobe para marcar mais um ponto: ponteira foi eleita a melhor na vitória do Praia
foto: Eliezer Esportes/Praia Clube

Anne Buijs sobe para marcar mais um ponto: ponteira foi eleita a melhor na vitória do Praia


Minas Gerais voltou a ter os dois primeiros colocados na Superliga Feminina. Nesta terça-feira, em Uberlândia, o Praia Clube derrotou o Osasco por 3 sets a 0, com parciais de 25/22, 25/22 e 25/19, pela terceira rodada do returno. O resultado não só manteve a equipe do Triângulo na liderança, como também deixou o Minas em segundo lugar na classificação. 

O Praia chegou a 38 pontos, com 13 vitórias e uma derrota. O Minas, que também nesta terça-feira bateu o Fluminense (3 a 0) assumiu a vice-liderança com 30 pontos e duas partidas a menos que o rival. O Osasco, com a derrota em Uberlândia, caiu para terceiro e permaneceu com 27 pontos. As paulistas têm dois jogos a menos que o líder. 

O Praia volta as atenções para a Copa Brasil de Vôlei. Em busca do título inédito, o time de Uberlândia enfrentará o Sesi Bauru, domingo (30), às 19h, pela semifinal. No jogo de fundo, Minas e Osasco se colidem às 21h30, na decisão do outro classificado à final. A decisão será na segunda-feira (31), às 19h. As partidas serão no Ginásio do Galegão, em Blumenau (SC).

HOLANDESA PREMIADA

O Praia venceu em sets diretos, mas, em determinados momentos, chegou a estar em desvantagem e buscou a virada na reta final das parciais. A equipe do Triângulo não teve a levantadora Claudinha, lesionada, mas a substituta, Lyara, mesmo sem ritmo, deu conta do recado e teve noite destacada. 

A holandesa Anne Buijs marcou 12 pontos e foi eleita a melhor da partida. Ela recebeu o Troféu Viva Vôlei e destacou a boa exibição coletiva do time, mas em especial da jovem levantadora. "Ela (Lyara) fez um trabalho muito importante, e nosso time foi muito coletivo, todas que entraram ajudaram. Estou muito feliz, pois foi um jogo importante para nossa classificação. Sabemos que é difícil enfrentar o Osasco, mas nossa equipe é muito ajustada, muito forte", avaliou a ponteira. 

Prova da boa atuação coletiva do Praia foi a distribuição de pontuadoras. Quatro jogadoras deixaram a quadra com oito pontos: a oposta Brayelin, as centrais Carol e Jineiry, e a ponteira Kasiely. Pelo Osasco, a mais intensa foi a oposta/ponteira Tifanny, com 13 bolas certeiras, principal nome da partida nesse quesito.


Compartilhe