Fluminense

CAMPEONATO BRASILEIRO

Em fases distintas, Fluminense e Flamengo se enfrentam pela 5ª vez no ano

Nos quatro clássicos do ano, Flamengo venceu dois, Fluminense, um, e houve um empate

postado em 09/06/2019 08:00 / atualizado em 09/06/2019 22:32

<i>(Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)</i>
Em fases distintas na temporada, Fluminense e Flamengo se enfrentam no Maracanã neste domingo, às 19 horas, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, em busca de objetivos diferentes. O time tricolor busca se afastar da zona de rebaixamento, enquanto a equipe rubro-negra quer reafirmar sua boa fase e encostar nos líderes.

Os rivais já se enfrentaram quatro vezes em 2019. Foram duas vitórias para o Flamengo, uma para o Fluminense e um empate. Apesar da disparidade financeira e até técnica entre as equipes, todos os duelos foram equilibrados.

Os times vivem momentos diferentes. O Fluminense tem oscilado muito, de modo que é capaz de conseguir resultados expressivos, como a vitória de virada épica sobre o Grêmio em Porto Alegre por 5 a 4 e a goleada por 4 a 1 em cima do Cruzeiro. No entanto, é incapaz de manter a regularidade. Vem de duas derrotas no Brasileirão, para Bahia e Athletico-PR, e foi eliminado da Copa do Brasil pelo Cruzeiro nos pênaltis. Com seis pontos, o time tricolor briga na parte inferior da tabela. Para piorar, os jogadores têm de conviver com salários atrasados. 

Já o Flamengo, depois da saída do técnico Abel Braga, amenizou a pressão com dois triunfos seguidos sobre Fortaleza e Corinthians este pela Copa do Brasil, em que avançou às quartas de final, e conseguiu criar um ambiente positivo nos últimos dias. O time rubro-negro oscilou no início do Brasileirão, mas melhorou seu desempenho recente e soma 13 pontos, na briga pelas primeiras posições. 

"Vai ser um clássico bonito, de futebol bem jogado. Não vamos mudar muito a forma de jogar, só ajeitar algumas coisas. A estrutura não muda, mas precisamos entrar ligados. Eles têm um time muito bom na frente. Qualquer erro pode comprometer", afirmou o meia Allan, do Fluminense.

"São times que jogam para frente. São sempre jogos bem abertos, com muitos gols. Para quem está de fora é um bom jogo para assistir. Mas vamos tentar anular o ataque do Fluminense no domingo e sair com a vitória", analisou o zagueiro Léo Duarte.

A grande dúvida do clássico é a presença do atacante João Pedro. O jovem, destaque do Fluminense neste ano e umas das principais promessas do futebol brasileiro, está gripado. Ele atuou resfriado no último jogo diante do Cruzeiro, em que fez um gol de bicicleta no minuto final e já soma nove gols em 14 jogos desde que subiu aos profissionais. 

Se João Pedro não se recuperar a tempo da partida, ele deverá ser substituto por Marcos Paulo. Outro talento cria da base, o centroavante estava defendendo a seleção de Portugal no Torneio Maurice Revello, o antigo Torneio de Toulon, na França, mas o técnico Fernando Diniz pediu sua liberação e foi atendido. Recém-chegado do São Paulo, Brenner também uma opção. 

Com lesão na coxa direita, o atacante colombiano Yony González já está vetado. O zagueiro Matheus Ferraz ainda se recupera de dores no joelho esquerdo e, como não treinou, dificilmente jogará. Nino, outro defensor, com três cartões amarelos, e Airton, expulso na última rodada, estão suspensos.

Com tantos problemas, a tendência é Fernando Diniz escalar Caio Henrique no meio de campo e colocar Mascarenhas na lateral esquerda para reforçar o sistema defensivo. Na zaga, Frazan está confirmado e pode ter um parceiro improvisado, que pode ser Yuri ou Caio, ambos volantes.

O Flamengo deve ser o mesmo que venceu o Corinthians por 1 a 0 no jogo anterior. O time rubro-negro não tem Trauco, Cuellar, e Arrascaeta, que estão nas seleções de Peru, Colômbia e Uruguai, respectivamente, para a disputa da Copa América.

Tags: fluminenserj flamengorj seriea brasileiro clássico flaflu