Futebol Feminino

FUTEBOL FEMININO

Time feminino do Cruzeiro completa um ano; relembre feitos e mudanças

Equipe conquistou o Campeonato Mineiro 2019 e garantiu o acesso à Série A-1 do Campeonato Brasileiro em 2020

postado em 27/02/2020 17:47 / atualizado em 27/02/2020 17:48

(Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)

O projeto de futebol feminino do Cruzeiro completou um ano nesta quinta-feira. Na primeira temporada, as Cabulosas conquistaram o título do Campeonato Mineiro e o acesso à elite do futebol nacional. 
 

Série A-2

(Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)

 
O Cruzeiro fez boa campanha na fase de grupos da Série A-2 do Campeonato Brasileiro. Em cinco jogos, a equipe venceu quatro e perdeu em apenas uma ocasião. Foram 20 gols marcados e apenas três sofridos. 
 
Pelas oitavas de final, as Cabulosas bateram o Pinheirense. Já na fase seguinte, a Raposa superou o Ceará. Nas semifinais, a vítima do Cruzeiro foi o Grêmio
 
O adversário da Raposa na final foi o São Paulo. As Cabulosas perderam a primeira partida por 4 a 0 e empataram o jogo de volta por 1 a 1. Apesar da derrota, o Cruzeiro garantiu o acesso à elite do futebol nacional e é o único mineiro presente na Série A-1 em 2020. 

Campeonato Mineiro

(Foto: Lara Pereira/Superesportes)

 
O Cruzeiro fez bela campanha no Estadual e terminou a competição com o título de forma invicta. Foram oito vitórias e um empate em nove jogos.
 
A Raposa terminou a primeira fase em primeiro lugar, com seis vitórias em seis partidas. Já na semifinal, a equipe superou o Ipatinga pelo placar agregado de 10 a 0.
 
Pela finalíssima, as Cabulosas enfrentaram o América. Após o empate por 1 a 1 em tempo normal, o Cruzeiro superou as adversárias nos pênaltis por 6 a 5. 

Mudanças  

O Cruzeiro passou por algumas mudanças no departamento de futebol feminino para a temporada 2020. O treinador Hoffmann Túlio deixou o comando da equipe para ir ao rival Atlético. Para suprir sua ausência, o auxiliar técnico Jorge Victor foi efetivado. 
 
Porém, as mudanças não pararam por aí. Após a renovação de toda equipe titular celeste, o clube anunciou a contratação de 10 reforços para esta temporada. São elas as goleiras Maryana e Ana Júlia, as zagueiras Mayara e Tatá, as laterais Evellyn e Thalita, as volantes Godoi e Camila Ambrózio, a meio-campista Dedê e a atacante Thamirys
 
As atividades das categorias de base feminina foram suspensas temporariamente para esta temporada. Em momento de reconstrução, sobretudo na parte financeira, o clube decidiu interromper as atividades do sub-18 e sub-16 em 2020.
 
Apesar da suspensão, a base será retomada e expandida num projeto em longo prazo. O departamento de futebol feminino pretende contemplar atletas desde a categoria sub-13.
 
“A ideia é retomar a base de uma maneira expansiva. Pode ser que no meio do ano a gente consiga? Pode, mas inicialmente como a gente não logrou êxito de ter patrocinador próprio, a gente tinha que comunicar às atletas para dar oportunidade de buscarem outro clube. Com a melhora financeira do clube, com certeza o projeto será retomado. A ideia é trabalhar com sub-13 e contemplar ainda umas três, quatro ou cinco categorias”, disse a coordenadora de futebol feminino Bárbara Fonseca, em entrevista ao Superesportes.

Tags: cruzeiroec futfeminino