Futebol Feminino

FUTEBOL FEMININO

Técnico do Cruzeiro Feminino vive expectativa para retorno da Série A-1 e traça planejamento para sequência

Jorge Victor quer dar atenção ao desenvolvimento tático da equipe celeste

postado em 14/07/2020 15:30 / atualizado em 14/07/2020 14:38

(Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)
A equipe feminina do Cruzeiro completou quatro meses sem entrar em campo, nesta terça-feira, desde a paralisação das competições em função da pandemia do novo coronavírus. Ainda sem data oficial para retorno às atividades presenciais, o técnico Jorge Victor tem expectativas altas para o retorno da Série A-1 do Campeonato Brasileiro
 
“A expectativa para o retorno do Brasileiro é muito grande, tendo em vista que esse campeonato é muito significativo para o Cruzeiro e para todos os membros da equipe, comissão técnica e atletas, já que é a primeira vez que disputamos a competição”, disse.
 
A última partida do Cruzeiro foi no dia 14 março contra o Iranduba. Na ocasião, a equipe celeste superou as adversárias pelo placar de 2 a 0, em Manaus, pela 5ª rodada da Série A-1.  A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) prevê o retorno da elite do futebol feminino para o dia 26 de agosto

Planejamento para sequência do ano

Em reuniões virtuais com o staff da equipe, o treinador mantém conversas sobre o planejamento para a sequência da temporada. Os treinos do Cruzeiro foram mantidos durante o período sob orientação da preparação física. 

“Nós ainda precisamos definir sobre os métodos e protocolos que vão ser necessários nesse retorno das atividades, para depois passarmos para o planejamento dos treinamentos. Como os treinos foram mantidos durante todo esse período, as atletas têm sidos instruídas e têm exercitado todas as capacidades físicas”, avaliou.
 
Ainda não há previsão de retorno aos treinos presenciais da equipe celeste. Jorge Victor, por sua vez, segue o planejamento para trabalhar com foco no desenvolvimento tático do Cruzeiro. 

“Então, quando voltarmos aos treinamentos em conjunto, iremos focar no desenvolvimento tático da equipe, buscando um desempenho muito parecido com o que alcançamos nos grandes jogos que fizemos no início do campeonato. No retorno das atividades o foco será na questão tática e no aperfeiçoamento daquilo que nós já havíamos conseguido realizar nos primeiros jogos”, completou.
 
As equipes têm pouco mais de um mês até o retorno da competição nacional, previsto para o fim do mês de agosto. Jorge Victor acredita que os times precisarão se adaptar às novas condições para ter um bom desempenho na sequência do ano.  

“Quanto ao tempo de preparação, é sempre uma questão difícil. Primeiro, nós nunca tivemos um parâmetro sobre uma situação similar a essa que aconteceu no futebol, seja masculino ou feminino, para estimar um tempo ideal de preparação. Nós precisamos pensar que, quando voltarmos, vamos nos adequar para que nesse tempo que tivermos, nós possamos fazer a melhor preparação possível para os jogos que vão vir em sequência”, concluiu.

Tags: cruzeiroec futfeminino