UAI

2

América recebe Vitória no Independência para selar acesso à Série A

Líder da Série B, Coelho busca triunfo para garantir principal meta da temporada

09/01/2021 06:00 / atualizado em 08/01/2021 21:37
compartilhe
Neste sábado, América, de Lisca, pode coroar boa temporada com acesso à Série A do Brasileiro
foto: Estevão Germano/América

Neste sábado, América, de Lisca, pode coroar boa temporada com acesso à Série A do Brasileiro

Neste sábado, o América entra em campo para selar o principal objetivo na temporada: o acesso à Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro. Líder da Série B, com 63 pontos, o Coelho busca o triunfo sobre o Vitória, às 19h, no Independência, pela 33ª rodada, para garantir a presença na elite do futebol nacional em 2021. A seis jogos do fim da competição, a probabilidade de subida do clube é de 99%

O Departamento de Matemática da UFMG aponta que uma equipe que chegar aos 66 pontos terá 100% de chances de acesso à primeira divisão nacional. De acordo com o matemático Tristão Garcia, com 64 pontos é possível garantir vaga na Primeira Divisão. Ou seja, até um empate serve para que o América volte à elite brasileira após o rebaixamento em 2018.   

Na temporada passada, sob o comando do técnico Felipe Conceição, o Coelho fez campanha de recuperação na Série B, mas 'bateu na trave'. Bastava apenas vencer o jogo pela última rodada, contra o já rebaixado São Bento. No entanto, a derrota por 2 a 1, em pleno Independência, frustrou os planos americanos.  

Já na atual temporada, o alviverde intercalou desempenho consistente na Série B com trajetória histórica na Copa do Brasil – chegou à semifinal pela primeira vez e acabou eliminado pelo Palmeiras. Na Segunda Divisão, o time de Lisca assumiu a liderança na rodada passada, com vitória por 1 a 0 sobre o Guarani, e aumentou as chances de conquistar o tricampeonato. Segundo o Departamento de Matemática da UFMG, os mineiros têm 57,2% de probabilidade de levantar a taça, contra 42,5% da Chapecoense, vice-líder, também com 63 pontos, mas em desvantagem em saldo de vitórias: 16 a 17. Neste sábado, os catarinenses enfrentam o Botafogo-SP,  em Ribeirão Preto, às 21h.

Presente no elenco na edição anterior da Série B, Ademir recordou a decepção na busca pelo acesso e projetou a conquista do título para coroar a superação do América. “É a volta por cima daquilo que aconteceu em 2019. Por um ponto não conseguimos. Fico feliz por fazer parte desse grupo que lambeu as feridas e sacudiu a poeira. Nada melhor que dar a volta por cima com esse título. O América merece, por tudo o que fez nos últimos anos. Temos essa possibilidade e vamos em busca desse título”, assegurou o atacante, vice-artilheiro do time na temporada, com 13 gols, dois a menos que Rodolfo. 

O time 


Para a partida contra o Vitória, Lisca tem cinco desfalques: o lateral-direito Diego Ferreira, o lateral-esquerdo João Paulo, o volante Flávio, o meia Guilherme e o atacante Felipe Azevedo, lesionados.  O treinador deve mandar a equipe a campo com: Matheus Cavichioli; Daniel Borges, Messias, Anderson e Sávio; Zé Ricardo, Juninho e Alê; Ademir, Felipe Augusto e Rodolfo. 

O adversário


O Vitória tem objetivo oposto ao do América na Série B, Com 37 pontos, o rubro-negro ocupa a 15ª posição e não triunfa há três rodadas (derrotas para Oeste e CSA, além de empate com Operário. A dois pontos de distância do Figueirense, que abre o Z4, o time baiano tem 35% de possibilidade de queda à Terceira Divisão. Para a partida no Horto, o técnico Rodrigo Chagas conta com o retorno do lateral-direito Léo Morais, recuperado de lesão, mas Leandro Silva, ex-América, deve seguir na posição. O atacante Vico e o goleiro Ronaldo são desfalques. 

América x Vitória


América: Matheus Cavichioli; Daniel Borges, Messias, Anderson e Sávio;  Zé Ricardo, Juninho e Alê; Ademir, Felipe Augusto e Rodolfo. Técnico: Lisca. 

Vitória: César; Leandro Silva (Léo Morais), João Victor, Wallace e Rafael Carioca; Fernando, Guilherme Rend, Matheus Frizzo, Thiago e Matheusinho (Ewandro); Léo. Técnico: Rodrigo Chagas. 

Motivo: 33ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data e horário: 9 de janeiro de 2021 (sábado), às 19h
Local: estádio Independência, em Belo Horizonte

Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ)
Assistentes: Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)


Compartilhe