UAI

2

Alê rasga elogios a Lucas Kal, companheiro de América: 'Muito inteligente'

Jogadores têm formado dupla no meio-campo do Coelho nas últimas partidas

28/10/2021 19:05 / atualizado em 28/10/2021 22:10
compartilhe
Alê (esq.) e Lucas Kal (dir.), dupla de meio-campo do América
foto: Montagem com imagens de João Zebral/América

Alê (esq.) e Lucas Kal (dir.), dupla de meio-campo do América


O meio-campista Alê, do América, rasgou elogios a Lucas Kal, seu companheiro de equipe nesta quinta-feira (28), em entrevista concedida no CT Lanna Drumond, em Belo Horizonte. Alê avalia que sua dupla de meio-campo contribuiu para a evolução de toda a equipe com sua qualidade: 'Muito inteligente'.

Alê e Lucas Kal foram titulares em boa parte dos compromissos do América neste segundo turno da Série A do Campeonato Brasileiro. Com boas capacidades tanto no momento defensivo quando no momento ofensivo, a dupla se firmou na formação inicial do Coelho e tem protagonizado ótimas atuações.

"Beneficiou não só a mim, mas a todos os outros que estão em volta dele. O Kal é um jogador muito inteligente, tanto quando está com a bola quanto quando está sem. Ele sabe ocupar bem os espaços sem a bola, sabe te dar espaço também para você ocupar. Então, acho que todo mundo que joga próximo a ele cresceu quando ele entrou na equipe. Desde que ele entrou, não me lembro dele ter feito uma partida abaixo do que possa render. Quem ganha com tudo isso é o América", avaliou Alê.

Recuperação do protagonismo


Reserva em boa parte da 'era Vagner Mancini' no América, Alê recuperou protagonismo nos últimos jogos e tem sido fundamental para organizar o jogo alviverde. Neste sentido, o meia avalia que o modelo de jogo proposto pelo técnico Marquinhos Santos, menos direto e mais apoiado (com mais valorização da posse de bola), contribua para potencializar seu futebol.

"Eu acho que nesse sentido sim. O Marquinhos, em relação à posse de bola, tem um pensamento um pouco diferente do Mancini. O Mancini gostava de um jogo mais direto - mais vertical, vamos dizer assim. O Marquinhos quer essa verticalidade, mas também vem nos cobrando muito para ter esse jogo apoiado, de posse, principalmente quando a gente estiver à frente no placar para fazer com que o adversário se desgaste, correndo atrás da bola", analisou.

Alê deve voltar a ser titular do América às 21h do sábado (30), diante do Fortaleza, no Independência, em Belo Horizonte. Em compromisso válido pela 29ª rodada do Brasileirão, o América, 10° colocado com 35 pontos, almeja a vitória para alimentar ainda mais o sonho de disputar uma competição internacional em 2022.



Compartilhe