UAI


América enfrenta o Atlético-GO para manter vivo o sonho da Libertadores

Praticamente assegurado na Série A do ano que vem, Coelho começa a almejar objetivos maiores na competição

17/11/2021 06:00 / atualizado em 16/11/2021 22:02
compartilhe
América pode chegar à terceira vitória consecutiva na competição
foto: Marina Almeida/América

América pode chegar à terceira vitória consecutiva na competição

O América recebe o Atlético-GO nesta quarta-feira, às 19h, no Independência, para tentar  manter vivo o sonho de classificação à Copa Libertadores  da próxima temporada. A partida em Belo Horizonte, válida pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, pode marcar a terceira vitória consecutiva do Coelho na competição.

A equipe venceu o Sport, por 3 a 2, fora de casa, e o Grêmio, 3 a 1, em Belo Horizonte, nos dois últimos duelos. Com os resultados, o time comandado pelo técnico Marquinhos Santos tem a segunda melhor campanha do returno, com 64% de aproveitamento (mesmo número do Flamengo). 

Na classificação geral, o alviverde ocupa a nona colocação, com 44 pontos. São 11 vitórias, 11 empates e 10 derrotas. Além de conseguir a melhor pontuação em sua história nos pontos corridos do Brasileirão, o clube também  bateu o maior número de vitórias em uma única temporada .

Diante disso, o América tem 14% de chance de se classificar para a Libertadores da próxima temporada (considerando o G6). A equipe ainda soma 80,7% de probabilidade de Sul-Americana e apenas 0,02% de ser rebaixada. Os dados são do departamento de matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). 

'Pés no chão'


Mesmo diante da boa campanha, o atacante Ademir, de 26 anos, prega pés no chão ao time. Artilheiro da equipe no Brasileirão, com nove gols, o jogador pede cautela para que o América atinja seus objetivos. 

"A soberba, o salto alto, como dizemos na gíria do futebol. Temos que ter muita cautela, pois vai ser um jogo muito difícil, contra uma equipe que também está lutando pelos seus objetivos. Temos que ter tranquilidade e continuar fazendo o que estamos fazendo, aproveitando as oportunidades, não dando brechas aos adversários e continuar marcando gols. Assim vamos conseguir um bom resultado na quarta-feira", disse 'camisa 10'.

Returno negativo




Diferentemente do América, o Atlético-GO não faz um bom returno. A equipe tem a segunda pior campanha - à frente da já rebaixada Chapecoense - com apenas três vitórias em 12 jogos, além de quatro empates e cinco derrotas. 

Na campanha geral, o Dragão é o 14º colocado, com 38 pontos - dois a mais que o Juventude, primeiro na zona de rebaixamento. O time não vence há quatro jogos. A última vitória foi no fim de outubro, quando derrotou o Grêmio por 2 a 0 em seus domínios.

O técnico Marcelo Cabo irá fazer sua segunda partida no comando da equipe goianiense. Ele assumiu o time no empate em 0 a 0 com o Santos, na última rodada do Brasileirão. Cabo chegou, na prática, para o lugar de Eduardo Barroca. No entanto, o Dragão vinha sendo comandado pelos auxiliares João Paulo Sanches e Eduardo Souza desde o fim de setembro.

Atlético-GO vem de quatro jogos sem vencer
foto: Bruno Corsino-ACG

Atlético-GO vem de quatro jogos sem vencer


Ainda sob o comando de Barroca, o Atlético-GO empatou em 1 a 1 com América no primeiro turno. A partida foi disputada no dia 1º de agosto, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia.

Prováveis escalações


O técnico Marquinhos Santos só não conta com Eduardo e Berrío. O lateral-direito e o atacante seguem entregues ao departamento médico do clube. A equipe não tem suspensos para a partida.

O Dragão tem dois retornos e dois desfalques para enfrentar o América. O zagueiro Wanderson e o atacante André Luís levaram o terceiro cartão amarelo no empate com o Santos e estão suspensos. O defensor já estaria fora de qualquer forma, pois sofreu um problema muscular na coxa.

Marcelo Cabo tem a volta do zagueiro Éder e do atacante Janderson. Eles devem ser os substitutos dos dois suspensos. 

FICHA TÉCNICA

América

Matheus Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva e Marlon; Lucas Kal, Alê e Juninho; Ademir, Felipe Azevedo e Zárate.
Técnico: Marquinhos Santos

Atlético-GO

Fernando Miguel; Dudu, Éder, Pedro Henrique, Igor Cariús; Willian Maranhão, Marlon Freitas, João Paulo; Janderson, Zé Roberto e Ronald. 
Técnico: Marcelo Cabo

Motivo : 33ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Data e horário : quarta-feira, 17 de novembro, às 19h
Local : Arena Independência, em Belo Horizonte
Árbitro : Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes : Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Jose Eduardo Calza (RS)
Árbitro de vídeo : Rodrigo Nunes de Sa (RJ)
Transmissão : Premiere


Compartilhe