UAI

2

Éder lamenta eliminação e chama atenção do América: 'Que sirva de lição'

Autor do gol do Coelho no empate com o Tombense, zagueiro afirmou que dava para o clube americano ter se classificado à final do Troféu Inconfidência

26/03/2022 13:50 / atualizado em 26/03/2022 13:54
compartilhe
Éder marcou o gol de empate do América diante do Tombense
foto: Mourão Panda/América

Éder marcou o gol de empate do América diante do Tombense

O zagueiro Éder lamentou a eliminação do América no Troféu Inconfidência. Neste sábado (26), o Coelho empatou com o Tombense por 1 a 1 no estádio Castor Cifuentes, em Nova Lima, pelo jogo de volta da semifinal e deu adeus à competição adjacente ao Campeonato Mineiro.
 
Para chegar à finalíssima do certame, o Coelho precisava vencer o Gavião-Carcará por, no mínimo, dois gols de diferença. Isso porque o time de Tombos venceu a partida de ida por 3 a 1 e abriu vantagem. O duelo foi disputado no estádio Soares de Azevedo, em Muriaé, na última quarta-feira (23).
 
Em entrevista concedida após o apito final, Éder não escondeu a frustração que sentiu com as eliminações do clube americano no Estadual e no Inconfidência. Apesar disso, ele afirmou que não faltou empenho para tentar buscar as classificações.  
 
“Primeiro, queria agradecer a Deus pelo gol. Estou vivendo um momento muito bom no América e esse gol coroa um bom trabalho não só meu, mas do grupo todo. E nós temos que estar sempre vencendo. Independente de qual competição, quem entra em campo representando o América tem que estar sempre vencendo e buscando sempre as conquistas”, disse ao canal Premiere.
 

América 1 x 1 Tombense: fotos do jogo pelo Troféu Inconfidência


 
"Tem muita positividade no nosso grupo, tantos dos mais jovens, quanto dos mais velhos. Eles querem estar sempre contribuindo pelo bem do clube. Que sirva de lição, que dava para a gente ter passado. Mas teve muito empenho, teve muita raça. A gente tem uma caminhada muito longa durante o ano", completou.
 
O defensor marcou o gol de empate do Coelho contra o Tombense. Em cobrança de falta no capricho do volante Juninho Valoura pela direita, Éder saltou mais que a defesa adversária e cabeceou no canto esquerdo do goleiro Rafael Santos. O tento foi anotado aos 31 minutos do segundo tempo.
 
Com a eliminação, o América volta suas atenções à preparação para o início da fase de grupos da Copa Libertadores, que começará na semana do dia 5 de abril. Mas, antes disso, fará um amistoso contra o Athletico-PR na próxima segunda-feira (28), às 20h, na Arena da Baixada, em Curitiba.
 
O América está na Chave D da Libertadores desta temporada. Em sua primeira participação na fase de grupos, o Coelho terá pela frente Atlético, Independente del Valle, do Equador, e Tolima, da Colômbia. A chave foi definida nessa sexta-feira (25), após sorteio realizado na sede da Conmebol, em Luque, no Paraguai. 

Compartilhe