UAI

2

Mancini vê América equilibrado e diz qual foi o diferencial em vitória

Coelho venceu o Atlético por 2 a 1 neste sábado, assumiu a vice-liderança do Brasileiro e quebrou um longo tabu

07/05/2022 20:42
compartilhe
Mancini elogiou a garra do América na vitória
foto: Alexandre Guzanshe/E.M/DA.Press

Mancini elogiou a garra do América na vitória


O técnico Vagner Mancini elogiou a garra do América e ressaltou que o time foi equilibrado na vitória por 2 a 1 sobre o Atlético. Neste sábado, o Coelho venceu o Galo no Independência, como visitante, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, e quebrou um tabu de seis anos.



Para Mancini, a equipe soube 'virar a chave' em relação à derrota para o rival no clássico disputado no Independência, na terça-feira, pela Copa Libertadores. 

"O América vinha de uma derrota na terça-feira, diante do mesmo Atlético, e nós tínhamos que virar a chave porque era um outro campeonato, mas acima de tudo, tínhamos que acertar alguns detalhes que foram vistos no jogo de terça-feira, e corrigidos no jogo de hoje", afirmou, em entrevista coletiva após a partida.

Questionado sobre o que mudou, o treinador avaliou que o América conseguiu realizar uma marcação pressão mais efetiva no campo de ataque.

"O que eu vi de diferença entre terça e hoje, é que na terça o América esperou um pouco mais o Atlético, e hoje saiu marcando mais em cima e gerou o lance do gol do Maidana, de pênalti. Foi uma roubada de bola, em uma marcação feita lá em cima", disse. 

Dificuldades e projeção


Na visão de Mancini, o América soube sofrer na vitória sobre o Atlético. Além das 23 finalizações sofridas, o time ainda atuou por 10 minutos com um jogador a menos. O técnico acredita que as dificuldades foram normais pela qualidade do adversário, mas elogiou a postura da equipe. 

Atlético x América: fotos do clássico pelo Campeonato Brasileiro



"Ao longo do jogo, óbvio que tivemos uma dificuldade em certos momentos, porque nós enfrentamos uma equipe forte, que tem um volume de jogo muito alto. Mas a equipe teve a paciência necessária para assimilar o golpe, que foi o gol de empate, fez o segundo gol e teve oportunidade, mesmo quando tinha um homem a menos, de ampliar o marcador", analisou Mancini.

O comandante do Coelho ainda projetou o que pode ser o ano do clube a partir da vitória sobre o atual campeão brasileiro.

"Hoje saímos felizes, porque vimos o América jogando com muita garra, um time que soube se defender e sofrer. Ao mesmo tempo, com tudo isso, teve sete oportunidades reais de gol diante de um Atlético que irá brigar em cima na tabela. Nós sabemos que isso pode nos dar um panorama daquilo que pode ser o nosso ano a partir do momento que tivermos essa determinação que foi mostrado no jogo de hoje", projetou o técnico.

Com o resultado, o América chegou aos nove pontos, ultrapassou o próprio Atlético e alcançou a vice-liderança momentânea do Brasileirão.

Na terça-feira, a partir das 19h, o América recebe o CSA pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil, no Independência. Na ida, o time mineiro venceu por 3 a 0.

Compartilhe