UAI

2

Mancini vê jogo 'extremamente difícil' na vitória do América sobre o Cuiabá

Treinador do Coelho valorizou fator mental de seus jogadores em entrevista após o triunfo; vitória fez a equipe mineira chegar ao G4 do Campeonato Brasileiro

04/06/2022 20:55
compartilhe
Técnico Vagner Mancini durante a vitória do América sobre o Cuiabá
foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press

Técnico Vagner Mancini durante a vitória do América sobre o Cuiabá


O técnico Vagner Mancini avalia que a vitória do América por 2 a 1 sobre o Cuiabá, neste sábado (4), ocorreu em um jogo "extremamente difícil" no Estádio Independência, em Belo Horizonte. O triunfo pela 9ª rodada fez com que o Coelho subisse para a 4ª colocação na Série A do Campeonato Brasileiro, com 14 pontos.
 
 

O América abriu o placar aos 25 minutos do primeiro tempo, com Alê, em bela cabeçada. No entanto, aos 42 minutos, viu o Cuiabá buscar o empate com um chute de rara felicidade do atacante André. Aos 8 minutos do segundo tempo, Felipe Azevedo, também de cabeça, voltou a colocar o Coelho à frente do placar e selou o resultado final.

"É uma vitória muito importante, que nos dá um acesso na tabela de pontuação. A gente sobe, porque merecemos a vitória. Acima de tudo, foi um jogo extremamente difícil. Enfrentamos uma equipe com bons jogadores, que alternou entre se defender no campo deles e nos atacar também. Isso fez com que o jogo tivesse um domínio alternado", avaliou Mancini.

O treinador do América também explicou a opção pela entrada de Everaldo na vaga de Gustavinho ainda no intervalo. Ele avaliou que o Coelho precisava de mais profundidade pelo lado direito.

"O América, no início do jogo, foi à frente, fez o seu gol, e aí sofreu o gol de empate, ainda no primeiro tempo. Voltou para o segundo tempo com alteração, até porque a gente via uma certa deficiência no ataque ao espaço em lances de maior profundidade. O Everaldo nos deu isso. Logo no comecinho do segundo tempo, a gente faz o segundo gol, e aí o jogo torna-se novamente perigoso em função da subida do Cuiabá ao nosso sistema defensivo", analisou.
 

América x Cuiabá: fotos do jogo pelo Campeonato Brasileiro

 

Mancini também destacou a importância do fator emocional para a concretização da vitória do América. Nos últimos jogos, a equipe cedeu empates aos adversários após abrir o placar.

"Mas a equipe suportou bem. Teve uma ou outra oportunidade, mas são jogos dificílimos. A gente tem que saber sofrer também, porque esse é o tipo de jogo onde a gente poderia fazer o terceiro gol, como o Cuiabá empatar. Então, é um jogo que exige muito não só da parte mental, tática, mas do emocional também. Porque nos últimos jogos, a gente saiu na frente e acabou cedendo o empate. O atleta, de certa forma, carrega isso com ele. Foi muito importante hoje a gente vencer, da forma que vencemos, até também para que a gente possa ter evoluções nessa parte emocional", completou.

Lição advinda do gol do Cuiabá


O golaço marcado por André, aos 42 minutos do segundo tempo, veio de um chute indefensável para Jailson. Ainda assim, Vagner Mancini avaliou que houve falha do sistema defensivo do América na jogada.

"Se não me falha a memória, o Cuiabá deu um chute no primeiro tempo, que foi o lance do gol. Foi um lance de lateral. Eu já vi o lance no vestiário agora. O Conti sai na caça do jogador, do André; o Éder fica um pouquinho distante. Se a nossa linha tivesse subido junto, talvez nós teríamos alguém chegando na cobertura do Conti. É um lance difícil, mas acho que foi mérito também do André. Houve um erro de marcação, de ocupação de espaço da nossa equipe, mas o André foi muito feliz. Ele acertou um chute indefensável", afirmou.
 
 

Apesar de reconhecer a felicidade de André no lance, Mancini enfatizou que trabalhará com os defensores em cima do erro ocorrido no lance. Ele espera poder fazer as "correções devidas" na equipe.

"São lances do futebol onde, muitas vezes, ele supera a parte tática, a parte emocional. É o lance onde o atleta acerta um chute indefensável. Eu acho que o mais importante aí é a gente chamar o nosso sistema defensivo, bater um papo, mostrar eles através de vídeos para que a gente possa, ao longo desses jogos, fazer as correções devidas", encerrou.

O próximo compromisso do América é contra o Ceará, novamente no Independência, pelo Campeonato Brasileiro. A partida, válida pela 10ª rodada, ocorrerá na quarta-feira (8), às 19h.

Compartilhe