UAI

2

Juninho se torna o sétimo jogador com mais partidas na história do América

Capitão do Coelho completou 296 jogos na derrota por 2 a 0 para o Ceará, nesta quarta-feira, pelo Campeonato Brasileiro

08/06/2022 21:14 / atualizado em 09/06/2022 16:04
compartilhe
Juninho tem contrato com o América até dezembro de 2023
foto: Alexandre Guzanshe/EM/DA.Press

Juninho tem contrato com o América até dezembro de 2023


Capitão e ídolo do América, Juninho alcançou uma marca importante na derrota por 2 a 0 para o Ceará, nesta quarta-feira (8), no Independência, pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Os 11 jogadores com mais partidas pelo América



O volante de 34 anos chegou a 296 partidas com a camisa do Coelho e igualou o ex-volante Taú como sétimo jogador com mais jogos pelo clube. 

Juninho chegou ao América em 2016. Nessa trajetória de seis temporadas, ele foi campeão da Série B em 2017, semifinalista da Copa do Brasil em 2020 e ajudou o clube a terminar a última edição do Brasileirão na oitava posição. Além de garantir a permanência na Série A, o Coelho assegurou vaga na Libertadores deste ano.

Nesta temporada, o experiente meio-campista é o líder de assistências do time, com três em 21 jogos. Ele é titular absoluto da equipe e forma trio no meio com Lucas Kal e Alê. 

Seu contrato vai até dezembro de 2023, o que o permite estar, no mínimo, entre os três jogadores com mais partidas pelo América: faltam apenas 29 jogos para tal feito.

O top 3 é formado pelo ex-goleiro Milagres, que fez 372 jogos entre 1991 e 2001, o ex-volante Gaia, com 360 partidas entre 1945 a 1958, e o ex-goleiro Tonho, que defendeu o Coelho em 325 jogos entre 1945 a 1958.
 

Jogadores que mais defenderam o América

Levantamento do historiador Carlos Paiva
 
1º: Milagres - 372 jogos (goleiro; 1991 a 2001);
2º: Gaia - 360 jogos (volante; 1945 a 1958);
3º: Tonho - 325 jogos (goleiro; 1947 a 1958);
4º: Wellington Paulo - 307 jogos (zagueiro; 1990 a 1993 / 1997 / 1998 a 2002 / 2005 a 2006 / 2009 a 2010);
5º: Colatina - 304 jogos (lateral-direito; 1979 a 1989)
Estevam - 304 jogos (lateral-direito; 1992 a 2000);
7º: Taú - 296 jogos (volante; 1991 a 1998);
7º: Juninho - 296 jogos (volante; 2016 - atual);
9º: Ricardo Evaristo - 279 jogos (zagueiro; 1988 a 1993 / 1996 a 2000);
10º: Irênio - 275 jogos (meia; 1994 a 2000 / 2009 a 2010).
  Luiz Carlos Marins - 275 jogos (zagueiro; 1990 a 1996)




Compartilhe