UAI

2

América visita o lanterna Juventude por embalo e salto na tabela da Série A

Após duas vitórias consecutivas no Campeonato Brasileiro, Coelho enfrenta o time gaúcho neste sábado (6), às 16h30, no Alfredo Jaconi

06/08/2022 04:00 / atualizado em 05/08/2022 11:32
compartilhe
América enfrentará um Juventude diferente daquele que venceu por 4 a 1 no primeiro turno
foto: Mourão Panda / América

América enfrentará um Juventude diferente daquele que venceu por 4 a 1 no primeiro turno


Embalado após duas vitórias seguidas no Campeonato Brasileiro, o América visita o Juventude neste sábado (6), às 16h30, pela 21ª rodada da competição. A partida será disputada no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul-RS.



O Coelho venceu o Atlético-GO por 1 a 0 fora de casa e, na rodada passada, bateu o Avaí de virada, por 3 a 1, no Independência. Os resultados positivos deixaram o time na 13ª posição, com 24 pontos - quatro a mais do que o Cuiabá, primeiro no Z4.

Caso vença o próximo confronto, o time mineiro chegará a três vitórias consecutivas na Série A pela primeira vez neste ano e pode subir até quatro posições na tabela. 

Além disso, o América defende uma sequência de cinco partidas sem perder para o adversário deste sábado. A última derrota ocorreu em 2019, pela segunda fase da Copa do Brasil. 

Apesar de ter se afastado um pouco da parte de baixo da tabela, o jogo contra o Juventude ainda é considerado um confronto direto. A equipe gaúcha está na lanterna da competição, com 16 pontos, mas venceu o Ceará no último duelo dentro de casa. 
 
"Sabemos que é um adversário muito forte, principalmente dentro de casa. Eles têm um ataque muito forte, muito rápido, então temos que ficar ligados nisso. O Juventude vem muito forte, ainda mais com essa vitória (sobre o Ceará). Vamos em busca dos três pontos, e será um grande jogo", projetou o zagueiro Luan Patrick, em entrevista coletiva nessa sexta-feira. 

Apesar do triunfo no Alfredo Jaconi, o Juventude é o pior mandante do Brasileirão. São apenas nove pontos conquistados em 10 jogos, com duas vitórias, três empates e cinco derrotas. O retrospecto geral recente também é negativo: são seis derrotas nos últimos 10 confrontos na competição.

Reencontro com mudanças


O América venceu por 4 a 1 o primeiro encontro entre as equipes no Brasileiro, ainda pela segunda rodada, no Independência. Iago Maidana (2x), Felipe Azevedo e Pedrinho marcaram os gols da goleada do Coelho.

Os donos da casa contaram com um a mais desde os 39' do primeiro tempo, quando Paulinho Moccelin - que já deixou o clube gaúcho - foi expulso. Dos titulares do Juventude naquela partida, a tendência é que apenas Rodrigo Soares, Paulo Miranda, Yuri e Jadson enfrentem o América. 

Isso porque o Juventude passou por várias mudanças nesta janela de transferências. Foram contratados o goleiro Pegorari, os zagueiros Renato Chaves e Nogueira, o volante Anderson Leite, o meia Bruno Nazário (ex-América), e os atacantes Vitor Leque (ex-Cruzeiro) e Felipe Pires.

Além de Paulinho, deixaram o clube o goleiro Felipe Alves, o volante Darlan e o meia Bruninho.

Um dos reforços para a sequência da temporada e provável titular neste sábado, Nogueira comentou, em sua apresentação no novo clube, o momento negativo da equipe.

"O Juventude tem uma grande história, então ninguém está satisfeito com a situação que estamos. Eu vim para somar e estamos com expectativa de reverter essa situação. Esse momento não é permanente e depende só da gente tirar o Juventude desta situação", disse o defensor. 

Além do zagueiro, Pegorari e Renato têm chances de iniciar a partida, mas ainda dependem do registro no BID da CBF. Com tantas mudanças no elenco, o técnico Umberto Louzer também deve alterar o esquema tático do time, passando a utilizar três zagueiros. Além dos dois reforços no setor, Thalisson e Paulo Miranda disputam a terceira vaga. 
 
São dois desfalques certos para a partida. O lateral-direito Paulo Henrique teve constatada um edema ósseo na canela, e o zagueiro Vitor Mendes se recupera de uma lesão muscular na coxa direita. Anderson Leite apresentou um desgaste muscular e é dúvida.

Alteração no ataque americano 


O América também terá mudanças na escalação titular. Autor de dois gols na vitória por 3 a 1 sobre o Avaí, no Independência, na rodada passada, Everaldo levou o terceiro cartão amarelo na competição e está suspenso. Seu substituto natural é Pedrinho.

Nas laterais, Marlon volta após cumprir suspensão, e Raúl Cáceres deverá ser relacionado. O paraguaio foi substituído do jogo passado com dores, mas treinou normalmente durante a semana. Ambos serão opções no banco de reservas. 
 
O meia Alê está em fase final de recuperação de lesão na coxa esquerda e pode ser novidade. Já Aloísio segue tratando uma drenagem no quinto dedo do pé esquerdo por causa de um abscesso.
 
A grande dúvida na escalação é na zaga. Luan Patrick foi titular contra o Avaí, mas o técnico Vagner Mancini altera o setor em quase todas as partidas. Iago Maidana também é forte concorrente a iniciar o confronto.
 
Destaques do Coelho no jogo passado, Benítez e Wellington Paulista ainda não têm condições de atuar durante os 90 minutos. A tendência, portanto, é que entrem ao longo do segundo tempo.  
 

JUVENTUDE X AMÉRICA

 
Juventude
Pegorari; Thalisson (Paulo Miranda), Nogueira e Renato; Rodrigo Soares, Yuri Lima (Jean Irmer), Jadson, Bruno Nazário e Moraes; Felipe Pires e Isidro Pitta
Técnico: Umberto Louzer
 
América
Matheus Cavichioli; Patric, Luan Patrick (Iago Maidana), Éder e Danilo Avelar; Lucas Kal, Juninho e Matheusinho; Pedrinho, Felipe Azevedo e Henrique Almeida
Técnico: Vagner Mancini
 
Motivo: 21ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro
Estádio: Alfredo Jaconi, Caxias do Sul-RS
Data e horário: sábado, 6 de agosto, às 16h30
 
Árbitro: Edina Alves Batista (FIFA/SP)
Assistentes: Neuza Ines Back (FIFA/SP) e Fabrini Bevilaqua Costa (FIFA/SP)
VAR: Rafael Traci (SC)
 
Transmissão: Premiere. O Superesportes acompanha em tempo real

Compartilhe