UAI

2

Uma semana após ataque a ônibus, Marcelo Cirino decide deixar o Bahia

Atacante alegou problemas pessoais e pediu para ter contrato encerrado

03/03/2022 19:19
compartilhe
Marcelo Cirino deixa o Bahia depois do ataque a ônibus na semana passada
foto: Bahia/Divulgação

Marcelo Cirino deixa o Bahia depois do ataque a ônibus na semana passada


O atacante Marcelo Cirino, de 30 anos, não é mais jogador do Bahia. Por motivos pessoais, o atleta pediu pelo encerramento de seu contrato, que terminaria no final de 2023.

A decisão se dá exatamente uma semana após uma bomba explodir dentro do ônibus do Bahia na chegada à Fonte Nova para a partida frente ao Sampaio Correa, pela Copa do Brasil.

Conforme informou o Bahia, Cirino era o jogador mais próximo ao local da entrada do explosivo e ficou muito abalado. Apesar disso, quem teve os ferimentos mais graves foi o goleiro Danilo Fernandes, que precisará passar por procedimento no olho.

''A decisão do atleta é por motivos pessoais e acontece uma semana após o atentado a bomba contra o ônibus tricolor. Cirino era quem estava mais próximo do local de entrada do explosivo'', informou o Bahia em nota oficial.

O jogador chegou ao clube em setembro de 2021 após se despedir do futebol chinês. Pelo Esquadrão de Aço, foram apenas oito jogos disputados e dois gols marcados.

Veja a nota emitida pelo Bahia 


O Esporte Clube Bahia comunica que o atacante Marcelo Cirino não faz mais parte do elenco azul, vermelho e branco. As partes acertaram a rescisão do contrato, que se encerraria no próximo ano, em comum acordo.

A decisão do atleta é por motivos pessoais e acontece uma semana após o atentado a bomba contra o ônibus tricolor. Cirino era quem estava mais próximo do local de entrada do explosivo, atrás do goleiro Danilo Fernandes, que precisou ser hospitalizado e amanhã realizará um procedimento no olho.

O Esquadrão agradece os serviços prestados e deseja boa sorte na sequência da carreira. 


Compartilhe