Fluminense

FLUMINENSE

Eliminação precoce pode comprometer orçamento do Fluminense no ano

Se avançasse para a terceira fase o Fluminense receberia cerca de R$ 2,2 milhões

postado em 19/02/2020 14:22 / atualizado em 19/02/2020 16:12

(Foto: Javier Torres/ AFP)
A eliminação logo na primeira fase da Copa Sul-Americana não estava nos planos do Fluminense. Por sinal, foi um duro golpe nas finanças do clube, que esperava contar com os valores que estavam por vir para garantir compromissos importantes, vários deles ligados ao departamento de futebol.

Somente pela vaga na segunda fase o Tricolor receberia mais de R$ 1,5 milhão, quantia que agora vai para o Unión La Calera. As duas equipes empataram sem gols na noite de terça-feira no Chile e os chilenos acabaram avançando por conta do gol qualificado, já que os tentos anotados como visitante valem para critério de desempate.

Se avançasse para a terceira fase o Fluminense receberia cerca de R$ 2,2 milhões. No total do torneio, caso chegasse a grande finalíssima, o clube das Laranjeiras poderia receber mais de R$ 27 milhões.

A diretoria não fala abertamente, porém, nos bastidores do clube existia o sentimento de que até as oitavas de final seria viável e por isso mesmo o clube contava com o valor que seria oferecido até esta fase.

Nos próximos dias os dirigentes vão se reunir para analisar novas formas de recuperar o dinheiro que foi perdido no torneio continental. Vale lembrar que o Fluminense foi eliminado nas semifinais da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca.

Nesta quarta-feira a delegação do Fluminense retornou ao Rio de Janeiro e os jogadores foram liberados em seguida. Nesta quinta-feira começa a preparação para o confronto com o Moto Club previsto para o dia 26 de fevereiro, a quarta-feira de Cinzas, no Maranhão, em duelo válido pela estreia das duas equipes na Copa do Brasil.

Tags: fluminenserj