CAMPEONATO MINEIRO

Com planos de retomar jogos em abril, FMF admite chance de novo adiamento, mas descarta empurrar Mineiro para 2021

Federação diz que tem 'gordura' para terminar competição ainda em 2020

postado em 20/03/2020 07:00 / atualizado em 19/03/2020 21:42

(Foto: Agência i7/Mineirão)
A pandemia de covid-19, doença respiratória causada pelo novo coronavírus, mudou a rotina da população brasileira. A ordem é evitar aglomerações e reforçar a higiene pessoal para minimizar o risco de contrair a infecção que pode levar o indivíduo à morte. No futebol, competições estaduais e nacionais foram suspensas, e os atletas liberados das atividades de seus clubes. Enquanto isso, torcedores procuram saber sobre quando tais eventos esportivos poderão ser novamente realizados com segurança.

Em contato com o Superesportes, o diretor de competições da Federação Mineira de Futebol, Leonardo Barbosa, afirmou que a intenção é retomar o Campeonato Mineiro na quarta-feira, 8 de abril, e encerrar a primeira fase provavelmente no domingo, 12, definindo assim os classificados às semifinais e os rebaixados ao Módulo II. O torneio foi paralisado antes da 10ª rodada, inicialmente prevista para os dias 21 (sábado) e 22 (domingo) de março.

“Nosso planejamento hoje é voltar no dia 8 de abril. Se isso for possível, conseguimos completar a primeira fase na quarta e no domingo. E a fase final tenho a possibilidade de prolongar, porque as equipes que disputam semifinal e final terão espaço no calendário. Ainda temos gordura, estamos num cenário razoável. Porém, se houver uma proporção maior (da paralisação), precisaremos encontrar solução para todo mundo”.

Uma das possibilidades que a FMF considera é agendar algum mata-mata para datas da Copa Libertadores, da qual nenhum clube mineiro é participante. Já o Troféu Inconfidência, disputado por times que terminarem do quinto ao oitavo lugar, pode ser cancelado, a depender dos interesses de quem estiver envolvido no torneio.

Leonardo Barbosa ressaltou que a data 8 de abril foi colocada apenas como referência para a programação das equipes, podendo as autoridades, nos próximos dias, ordenarem a manutenção da interrupção. “Recomendamos aos representantes se organizarem para solicitar o retorno dos jogadores no fim de março, mas isso pode ser alterado se o Governo determinar a ampliação da paralisação”.

Apesar dos empecilhos enfrentados, a Federação não cogita a hipótese de cancelar o Campeonato Mineiro ou adiar as fases finais para 2021. “Nunca pensamos em empurrar para o ano que vem. Acreditamos que terminaremos a competição normalmente em 2020”, garantiu Barbosa. A entidade também deve tomar medidas para prestar auxílio aos clubes do interior que porventura necessitarem prolongar contratos de seus jogadores.

No momento, o Mineiro 2020 tem o América como líder, com 21 pontos, seguido por Tombense, 19; Atlético, 18; e Caldense, 17. O Cruzeiro é o quinto, com 14. Abaixo aparecem Patrocinense, 12; Uberlândia, 11; URT, 11; Boa, 8; e Coimbra, 7. Estão na zona de rebaixamento Villa Nova, com 4, e Tupynambás, que soma apenas 3.

Os quatro mais bem colocados da primeira fase do estadual avançam às semifinais, que acontecerão em duelos de ida e volta. O time de melhor campanha terá a vantagem de jogar por dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols, além de fazer a segunda partida em seu estádio. A mesma regra será aplicada na decisão.

10ª rodada do Campeonato Mineiro

Tupynambás x Caldense
Cruzeiro x URT
Coimbra x Tombense
Uberlândia x Villa Nova
América x Atlético
Patrocinense x Boa

11ª rodada do Campeonato Mineiro

Tombense x Uberlândia
Caldense x Cruzeiro
Boa x Tupynambás
Atlético x Patrocinense
URT x América
Villa Nova x Coimbra

Tags: americamg atleticomg cruzeiroec futnacional Villa Nova Caldense Uberlândia Tombense URT Boa Patrocinense Coimbra Tupynambás